Nuno Moreira de prata e Inês Rodrigues em quarto lugar na Hungria

Nuno Moreira e Inês Rodrigues participaram, entre os dias 16 e 17 de Setembro, no Open Internacional da Hungria a contar para a Karate Records. Os dois estiveram em prova com o objectivo de continuar a preparação para o Campeonato Europeu de Seniores da EGKF e para o Campeonato Mundial de Sub-21, já no proximo mês de Outubro.
O evento contou com a presença de 800 atletas de 24 paises, que aproveitaram esta prova para preparar os campeonatos que se avizinham.

Nuno Moreira registou, à partida, um problema, porque não apresentava o peso da categoria. Impossibilitado de competir nos -75Kg e com mais um quilo o internacional viu-se obrigado a transitar de categoria e participar nos -84Kg. Foi apenas um percalço mas que acabou ultrapassado pela velocidade do maiato, acabando por conquistar a medalha de Prata.

O atleta do Clube de Karaté da Maia encontrou na primeira volta o atleta Peter Adam, da Hungria, onde sairia vitorioso com uma vitória de 5-0. Na segunda eliminatória e após estar a perder com o atleta da Eslováquia, Lubbos Goffa, Moreira mudou o marcador para um resultado final de 6-1. Na passagem à final o atleta do CKM venceu, por 2-0, o atleta da República Checa, Petr Kubicka. Apenas na final foi derrotado, frente ao atleta da Letónia, Ruslan Sadicovs, perdendo por 4-0. “Foi mais uma prova importante para melhorar os niveis competitivos com objectivo às provas que se avizinham. O facto de estar num escalão diferente fez-me estar tranquilo sem pressão acrescida, fiz bons combates com magníficos pontos”, assinala o maiato.
Por seu lado, Inês Rodrigues iniciou esta prova o regresso às competições internacionais. Na categoria de -60Kg, encontrou na primeira volta a finlandesa Emma Aronen, que venceu por 1-0. No segundo encontro a atleta lusa eliminou a húngara Fanni Rebek, por expressivos 7-0 e na passagem à final a maiata não levaria a melhor sobre a atleta da Letónia, Viktorija Razaeva.

Inês esteve a vencer até 5 segundos do fim por 3-0 mas uma desatenção foi o suficiente para empatar. No desempate, o combate terminaria com 1-1 e na decisão arbitral, com decisões divididas, a maiata acabaria por perder e ficar para a luta do terceiro lugar. Na definição da medalha de bronze, Inês viu o seu encontro terminar com o resultado de 2-1 a favor da atleta da eslovaquia, Ingrid Suchankova.