Joaquim Jorge apresenta “Política e Coisas Piores” na Maia

O fundador do Clube de Pensadores, Joaquim Jorge, vai lançar o seu mais recente trabalho na Maia. O livro “Política e Coisas Piores” e é o mais recente do autor, que tem fortes ligações à cidade da Maia. Foi o seu local de residência durante muitos anos e o escolhido para lançar o Clube dos Pensadores, que aqui realizou o primeiro ciclo de debates.

Diz o autor que o livro fala de “política e outros problemas da sociedade bem piores que a política”. “Fala de política e que há coisas muito piores que a política. Outra coisa muito pior do que a política é, por exemplo, fugir aos impostos. Muita gente critica os políticos, porque o que eu digo nesse livro é que a política é digna e que a maioria dos políticos é gente séria, e há uma ideia que a política é suja; e não é”, adianta Joaquim Jorge.

O fundador do Clube dos Pensadores assinala que faz questão de apresentar o livro na Maia, pela relação que tem com o concelho e também pelos amigos. “Eu quero ir à Maia porque a coisa mais importante para mim é estar com amigos. Bragança Fernandes é um autarca exemplar, que sucedeu a um grande autarca que foi Vieira de Carvalho, e é um homem que tem respeito por mim. Eu vivi na Maia durante alguns anos, portanto é um homem que está atento aos sinais da sociedade civil e isso é importante”, adianta.

A apresentação do livro “Política e Coisas Piores” será no dia 6 de Julho, às 21h00, na Escola Príncipe da Beira, em Gueifães, e irá contar com a presença do autor e do presidente da Câmara da Maia, Bragança Fernandes.