Associação Cão Viver já conseguiu a adoção de 400 animais

A Associação Cão Viver está há um ano a actuar no canil municipal da Maia. Desde então, centenas de animais foram adoptados, estimando-se que cerca de 400 cães foram integrados numa família, não tendo sido necessário recorrer à eutanásia.

Ana Ceriz, da associação, considera que o trabalho, apesar de “difícil”, tem sido muito positivo, por trazer “grandes recompensas”, dado que “são criadas oportunidades para os animais se inserirem numa família com qualidade de vida e perspectivas de uma existência longa”, afirmou esta responsável.

cao

A Associação Cão Viver não tem fins lucrativos, vivendo de donativos e verbas conseguidas nalgumas iniciativas solidárias. “Todo o dinheiro que conseguimos é para tratamentos dos animais, rações, hotéis”, refere Ana Ceriz, que acrescenta que, sempre que é necessário, tenta-se realizar alguns eventos, para “ter oportunidade de sensibilizar as pessoas e, ao mesmo tempo, conseguir dinheiro para enfrentar as muitas dificuldades que vão surgindo no dia-a-dia”.

A próxima acção solidária está a ser organizada. Trata-se de uma Maratona Solidária que vai acontecer no dia 4 de Novembro, na Barca, Maia, e que surge de uma colaboração com o Clube Desportivo Os Maiatos: “é um trabalho excelente deste clube que nos tem ajudado e tem vindo a colaborar connosco, e neste evento, devemos tudo a eles”, sublinhou Ana Ceriz.

Há três modalidades: a maratona de 60 kms, a meia maratona (30 kms) e o passeio de 15 kms. Os interessados já se podem inscrever procurando a acção no facebook ou no site www.associacaocaoviver.org