Maia quer galardão de melhor Cidade Europeia do Desporto

O concelho da Maia recebeu ao longo deste ano em que foi Cidade Europeia do Desporto 247 eventos, cerca de 120 mil participantes em diferentes modalidades e mais de 500 mi visitantes.

Os dados foram apresentados no âmbito de uma visita à Maia da Comissão Parlamentar de Educação, Ciência e Cultura, através do Grupo de Trabalho do Desporto.

O presidente da câmara, Bragança Fernandes, garantiu que a Cidade Europeia do Desporto 2014 está a ser “importante” e “marcante” para a economia nacional.

Nas mais de duas centenas de eventos, ocorreram 20 distritais, 48 regionais, 83 nacionais, 30 internacionais e 66 mundiais.

Bragança_Fernandes_2101

O vereador do Desporto, Hernâni Ribeiro, garantiu que a programação está a correr “conforme as expectativas”, resumindo-a a “um sucesso”.

“Não quisemos que fosse uma CED com meia dúzia de eventos mediáticos que aparecessem na comunicação social e não tivessem reflexo para o concelho”, disse Hernâni Ribeiro.

O título de CED não têm associado financiamento europeu, ao contrário de cidades que são Capitais Europeias da Cultura, o que levou o deputado Paulo Cavaleiro a dizer que vai recomendar ao Governo que sensibilize a União Europeia nesse sentido.

Em 2013, Guimarães foi CED e conquistou, entre dez cidades, o título de “Melhor Cidade Europeia do Desporto 2013″. Um galardão que a Maia também deseja.

Bragança Fernandes espera que o concelho não seja prejudicado porque uma cidade portuguesa obteve o prémio no ano passado