,

Assembleia de Freguesia da Cidade da Maia presidida por Alberto Monteiro de Um Novo Começo

Nas Juntas de Freguesia da Maia, os eleitos para as Assembleias de Freguesia são da mesma “família política” do presidente da Junta, eleito diretamente em sufrágio pelos eleitores, com exceção do presidente da Assembleia de Freguesia da Cidade da Maia.

Alberto Monteiro, candidato pela coligação Um Novo Começo (PS/JPP), foi eleito o presidente da Assembleia de Freguesia na reunião de instalação dos órgãos de freguesia, em oposição à presidente da Junta, Olga Freire, que foi eleita pela coligação Maia em Primeiro (PSD/CDS).

Recorde-se que Maia em Primeiro foi a força política mais votada para a Junta com a eleição de 9 mandatos. Ainda assim não atingiu maioria absoluta, já que Um Novo Começo elegeu 8 mandatos, o BE elegeu 1 e a CDU também 1, esquerda que se uniu para eleger o presidente da Assembleia.

Em Águas Santas, é Marco Martins (Um Novo Começo) o novo presidente, enquanto António Martins de Carvalho (Um Novo Começo) foi escolhido em Milheirós.

Adelina Rodrigues (Maia em Primeiro) é a presidente da Assembleia de Freguesia de Castelo da Maia, Sérgio Silva Pinto (Maia em Primeiro) é o novo presidente da AF de Folgosa.

Em Moreira, ascendeu à Assembleia de Freguesia, Albino Maia (Maia em Primeiro), em Nogueira e Silva Escura foi eleito Nogueira dos Santos (Maia em Primeiro), em S. Pedro Fins foi Américo Soares (Maia em Primeiro), em Pedrouços foi escolhido António Fonseca (Maia em Primeiro).

Já em Vila Nova da Telha, foi eleito o independente Pedro Alminhas, da mesma lista pela qual se candidatou o presidente da Junta – IVNT.