,

JP Maia visitou e ajudou o Refood Maia Centro

No passado dia 3 de abril, a Juventude Popular da Maia visitou o Refood Maia Centro. O objetivo da visita passou por conhecer melhor o trabalho desenvolvido pela instituição, que tem uma dupla missão: evitar o desperdício alimentar e alimentar as pessoas mais necessitadas e com mais carências económicas.

A JP Maia verificou que o Refood Maia Centro possui boas condições na sua sede, que funciona em instalações cedidas pela Câmara Municipal e que «o Refood faz um excelente trabalho de aproveitamento para a prossecução da sua missão e dos seus objetivos».

Em nota de imprensa, a JP Maia referiu ainda que «houve oportunidade de conhecer também todo o processo, desde a recolha da alimentação até à sua distribuição final. De salientar que durante o processo são usados códigos, sem nunca nominalizar os destinatários das refeições fornecidas».
O Refood Maia Centro consegue ajudar mais de 70 pessoas pertencentes a mais de 25 famílias, sendo que conta com mais de 100 voluntários ativos e mais de 30 fontes de alimentos.

No final da visita à instituição, o presidente da JP Maia, Hugo Maciel, referiu que “estas instituições como Refood desempenham um papel fulcral no nosso concelho, pois combatem as desigualdades, ajudando o próximo a troco de nada”. Hugo Maciel salientou ainda que “a JP Maia fica muito contente por esta instituição conseguir ajudar cada vez mais pessoas fruto também da colaboração dos restaurantes, cafés, padarias e pastelarias da nossa cidade”.

O líder da Juventude Popular terminou deixando um apelo a toda a população, no sentido de “ajudarmos sempre estas instituições, quer seja através da dádiva de alimentos, como a JP Maia fez, ou através de donativos em dinheiro e ainda através da disponibilização para fazer voluntariado”.