,

Presidente da Câmara convidou Marcelo a voltar à Maia nas próximas festas do concelho

Foi numa onda de afetividade que o Presidente da República visitou a Maia, no último sábado de manhã, tendo ficado para almoçar com as gentes da Maia, no âmbito da Semana da Interculturalidade.

“Um dia histórico e memorável para a Maia”, foi assim que o presidente da Câmara da Maia, António Silva Tiago classificou este sábado, dia 7 de abril, ao lado do presidente da República.

Como para o próximo ano, o município comemora os 500 anos do seu foral, atribuído em 1519, António Silva Tiago aproveitou a visita para convidar o presidente a voltar à Maia, nas “festas do concelho do próximo ano” e assim celebrar com toda a pompa e circunstância o 500º aniversário do documento que determina o território da Maia.

António Silva Tiago acompanhou a visita de Marcelo Rebelo de Sousa, passo a passo, sendo o anfitrião nos Paços do Concelho, onde Marcelo Rebelo de Sousa foi ver a exposição “Mulheres Ciganas”, com fotografias do fotojornalista Adriano Moreira, promovida pela Câmara Municipal da Maia e pela Associação Plano i.

Foi importante também este dia com a visibilidade que trouxe Marcelo Rebelo de Sousa à Maia, “darmos um importante testemunho de grande solidariedade intercultural, na região e no país”, frisou o autarca.

Marcelo Rebelo de Sousa visitou em primeiro lugar a exposição patente no átrio da Torre Lidador, sobre “Mulheres Ciganas”, tendo depois seguido a pé até à Feira/Mostra “Sete Cantos do Mundo”, instalada no Parque Central, não sem antes dar um saltinho até à Padaria Ribeiro para mais momentos de confraternização.

Na Feira “Sete Cantos do Mundo”, que envolveu a Espaço Municipal e 16 entidades, o Presidente visitou os diversos stands das várias culturas representadas, viu um espetáculo de dança apresentado pela comunidade cigana e participou de um almoço onde a diversidade e integração adquiriram um significado mais amplo.

O presidente da República ficou muito sensibilizado com a união entre diversas culturas – desde comunidade cigana, passando pelas comunidades do Brasil, de Leste, de África e do Oriente -, e a sua integração na comunidade maiata.

Habituados a ver Marcelo Rebelo de Sousa a abraçar multidões na televisão, os maiatos quiseram concretizar na prática esta onda de afetos e receberam o Presidente de forma calorosa. Não faltaram as ‘selfies’ em cada esquina, com o próprio Marcelo a pegar no telemóvel e a fazer o ´clique´.

Nesta visita Marcelo Rebelo de Sousa foi sempre acompanhado pelo presidente da Câmara Municipal da Maia, António Silva Tiago, e pelo presidente da Assembleia Municipal da Maia, Bragança Fernandes, assim como pelos vereadores do executivo e presidentes de Junta do concelho maiato.