,

Mia Couto recordado no palco da Caverneira

No dia 26 de janeiro, às 21h30, no Auditório da Quinta da Caverneira, em Águas Santas, há teatro baseado na obra de Mia Couto. O Teatro Art’Imagem apresenta a peça “BemMarMeQuer”.

A partir da obra “mar me quer” de Mia Couto, o Art’Imagem cria em palco o mesmo contexto: “Lançamos o barco, sonhamos a viagem: quem viaja é sempre o mar”.

E traz-nos à memória, para quem leu a obra do escritor moçambicano, as personagens Luarmina e Zeca Perpétuo: «Zeca, reformado das pescas sonha “simetricar” se “combinar” com a gorda mulata. “-Somos tão vizinhos Dona, faz conta somos verbo e sujeito… Luarmina vai aprendendo mil defesas para as insistências namoradeiras de Zeca… – Me larga Zeca, não vê que eu já não desengomo o lençol… o que eu quero mesmo é que me conte as suas memórias, me fale do seu passado, quero as coisas que foram e como foram. Essas que nos deixam saudade».

Dramaturgia e Encenação: Pedro Carvalho; Interpretação: Flávio Hamilton, Pedro Carvalho e Neusa Fangueiro; Direção Plástica e Figurinos: Sandra Neves; Desenho de Luz: Wilma Moutinho; Sonoplastia e Desenho de Som: Pedro Lima; Música: Rui Lima e Sérgio Martins; Construção de Cenários: Sandra Neves e José Lopes; Designer Gráfico: Moodystudio; Produção Sofia Leal e Daniela Pêgo; Direção Artística do Teatro Art’Imagem: José Leitão.

O bilhete tem o valor de 5 euros (Normal) e 3 euros (Desconto para estudantes, M/65, Profissionais das Artes Cénicas e Desempregados).