,

Reabilitação paisagística do alvéolo Norte do Aterro Sanitário da Maia

A LIPOR já realizou a apresentação dos projetos candidatos ao concurso “Conceção do processo de cobertura e arranjo paisagístico do alvéolo Norte do Aterro Sanitário da Maia”, cuja sessão decorreu no início deste ano.

A empresa intermunicipal lançou um desafio à Faculdade de Ciências da Universidade do Porto com o intuito de premiar uma visão inovadora para a cobertura e requalificação do alvéolo Norte do Aterro da Maia.

As premissas para este projeto deveriam destacar fatores como a qualidade manifestada nas vertentes de sustentabilidade, estética e funcionalidade, cumprindo, como é óbvio, a legislação em vigor para o encerramento do Aterro Sanitário.

Os projetos foram desenvolvidos pelos alunos do Mestrado de Arquitetura Paisagista da FCUP, no âmbito das unidades curriculares “Projeto de Aplicação de Material Vegetal” e “Projeto de Impacte e Recuperação de Paisagem”.

O projeto vencedor foi o apresentado pela Adriana Passos, Florence Acosta, João Fernando Soares, Ricardo Soares e Sidiane Tramontina.

Foi notória a resposta ao solicitado no programa de concurso, com todos os concorrentes a mostrarem especial cuidado com as vertentes da utilidade do espaço, da promoção da biodiversidade e da baixa manutenção dos espaços.

Em resposta à elevada qualidade de todos os trabalhos e ao alinhamento com estas preocupações, o júri deliberou por unanimidade atribuir menções honrosas a todas as propostas.

O Júri que avaliou as propostas foi constituído pelas engenheiras Benedita Chaves e Isabel Nogueira e ainda Fernando Leite, da LIPOR, incluindo convidados de destaque, nomeadamente o Professor Doutor Paulo Farinha Marques, da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, o Professor Doutor António Fernando Sousa da Silva, diretor desta Faculdade, e o Professor Doutor Luís Paulo Faria Ribeiro, do ISA – Instituto Superior de Agronomia.