,

Um século a sorrir para a vida celebrado por Margarida de Jesus

Margarida de Jesus, residente em Águas Santas, completou neste dia 2 de abril, um século de vida.

O convívio de família foi a cereja no topo do bolo de uma vida recheada de luta, trabalho e resiliência de uma verdadeira mulher coragem.

Margarida de Jesus nasceu em Amarante a 2 de abril de 1919. Casou com 24 anos e teve três filhos, vivendo atualmente com um deles, o João de Jesus.

A sua história de vida é uma lição de tenacidade e resistência no feminino. A vida desta agora centenária foi longe de ser um mar de rosas. Analfabeta, Margarida de Jesus enviuvou aos 31 anos com três filhos para sustentar.

Não desistiu nem deprimiu, arregaçou as mangas e foi trabalhar arduamente em pedreiras. Uma longa vida de trabalho, que lhe permitiu ganhar o sustento e ser o pilar da família até se reformar.

Sendo Margarida de Jesus um exemplo de integridade e dedicação ao trabalho e à família, entendeu António Silva Tiago, presidente da Câmara da Maia, felicitar pessoalmente a centenária, que escolheu a Maia como a sua terra.

O autarca marcou presença numa festa em que estiveram os filhos de Margarida de Jesus, os seis netos e os cinco, quase seis, bisnetos. Alguns dos familiares deslocaram-se propositadamente de longínquas paragens da Europa.

O edil maiato, acompanhado da vereadora do Desenvolvimento Social, Ana Vieira de Carvalho, presenteou a Dona Margarida de Jesus com um ramo de flores e uma prenda, que mandou preparar expressamente para a aniversariante. Celebrou-se assim um século a sorrir para a vida!