Espaços verdes da Maia a preservar vão a votos

A associação ambientalista Campo Aberto apresenta, no dia 9 de Outubro, o novo sítio na Internet que permitirá a votação electrónica na campanha “50 Espaços Verdes em Perigo, 50 Espaços Verdes a Preservar”.

Em declarações à Lusa, Nuno Quental, responsável pela campanha, refere que o novo sítio, “além de incluir as fichas descritivas das 113 zonas verdes propostas para protecção, permitirá a votação electrónica”. O novo endereço será www.50espacos.campoaberto.org , mas só estará disponível na altura da apresentação.

Até ao final do mês, a associação espera concluir as fichas descritivas de 113 zonas verdes da região do Grande Porto, com informação que permitirá escolher as 50 que vão integrar a campanha de preservação ambiental.

Esta é mais uma fase do projecto, iniciado a 15 de Outubro de 2006, com a identificação dos locais em perigo. Essa etapa ficou concluída a 31 de Julho de 2007, com a selecção de 113 propostas, das quais 26 no concelho da Maia, 23 no Porto, 22 em Gaia e 19 em Gondomar. As restantes são dos concelhos de Matosinhos (7), Vila do Conde (6), Valongo (4), Espinho (4) e Póvoa de Varzim (2).

Nos últimos meses, os voluntários da associação visitaram os locais e elaboraram fichas descritivas sobre a sua situação. A selecção final será feita por quatro grupos de trabalho, com a participação de autarquias, universidades e organizações ambientalistas, entre outras estruturas. Mas está ainda prevista a participação popular, por votação electrónica feita através do sítio na Internet.

A lista de eventuais locais a preservar inclui na Maia, entre outros, o núcleo de Moinhos de Alvura, a Quinta do Mosteiro, a Quinta dos Cónegos, e os montes Gonçalão, Senhora da Hora, S. Miguel-o-Anjo, Santo António, Santa Cruz, Caverneira e Penedo, além dos corredores verdes dos rios que passam no concelho, como o Leça.