,

Apreendidos 100 mil cigarros pela GNR

A GNR apreendeu na Maia, na última sexta-feira, cem mil cigarros que iriam ser colocados à venda de forma ilegal.

Os cigarros estavam armazenados em 20 caixas de cartão, no interior de uma viatura de mercadorias que foi fiscalizada pelas autoridades na A3.

Explica a GNR em comunicado que o tabaco não se fazia acompanhar de qualquer documento com valor aduaneiro, não estava estampilhado e as informações relativas aos efeitos nocivos do tabaco não se encontravam escritas em português, mas sim em inglês.

Estima-se que o valor da mercadoria apreendida, após tributação legal, ascenderia aos 20 mil euros, estando “em causa uma fuga aos impostos de mais de 17 mil e 500 euros”, especifica a GNR.

Dois homens, de 26 e 41 anos, foram detidos e constituídos arguidos.