, ,

Silva Tiago inaugurou novas instalações da Smart Cake

Inauguração Smart Cake

A zona industrial da Maia conta com novas instalações de uma empresa em crescimento, a Smart Cake, a cuja cerimónia de inauguração se deslocou, na passada sexta-feira, dia 5, às 18h30, o presidente da Câmara da Maia, António Silva Tiago, acompanhado do presidente da Assembleia Municipal, Bragança Fernandes, e dos vereadores Paulo Ramalho e Emília Santos.

Fundada em setembro de 2011, com apenas 5 colaboradores, a Smart Cake tem como atividade principal, a produção de pastelaria doce, pastelarias salgada e todo o tipo de pão e sandwichs, tendo no fornecimento destes produtos aos operadores de vending, um dos mercados mais significativos.

Atualmente a sua produção mensal atinge 1,2 milhões de produtos e o volume anual de vendas ascende já aos 5 milhões, prevendo que nos próximos 2 anos esse montante ascenda aos 7 milhões de euros. Na sua laboração diária participam 98 colaboradores.

A empresa já abastece todo o mercado nacional, sendo que com a mudança para as novas instalações (em curso), na rua do Castanhal, em Gemunde, a Smart Cake parte para uma nova etapa: a internacionalização, começando por expandir o seu mercado para a região vizinha do noroeste peninsular, a Galiza.

Esta mudança de instalações (atualmente com uma área de produção de 580m2) permite passar para uma área mais ampla e funcional com 1700m2. Para que isto acontecesse, foram investidos 2,5 milhões de euros.

Na inauguração do espaço, um dos sócios Nuno Carvalho referiu que esta “nova casa” foi “muito esperada” e que oferece “melhores condições de trabalho”.

Nuno Dias, outro dos sócios da Smart Cake, referiu-se ainda à “internacionalização” para a Galiza, continuando a apostar “na qualidade dos produtos, que foi sempre um ponto de honra para nós, mas vai também permitir-nos dar respostas às necessidades e desafios de mercado, à nossa estratégia de inovação e crescimento abrindo novas perspetivas de criação de postos de trabalho”.

“Confiança e tradição de mãos dadas com a inovação” é a divisa que tem orientado este negócio ao qual está ligado ainda o empresário Rui Campos.

O presidente da Câmara aproveitou para elogiar “o tecido empresarial” do concelho, “muito empreendedor, dinâmico e ousado, que investe, inova e arrisca sempre para fazer mais e melhor. Exemplo deste fogo criativo está aqui perante os nossos olhos que nuns escassos oito anos souberam crescer e expandir-se de forma sustentada”.