Atleta do Maia AC nomeado para prémio fair-play da IAAF

O atleta guineense nomeado para o prémio de fair-play da IAAF – Associação Internacional das Federações de Atletismo representa o Maia Atlético Clube.

Bramia Dabó vive em Bragança, mas representa o Maia AC. No fim de semana foi homenageado em Vila Nova de Poiares, na Gala do município onde também foram distinguidas as ginastas de acrobática Bárbara Sequeira, Francisca Maia e Francisca Sampaio Maia, do Acro Clube da Maia, que no mês de junho, conquistaram a medalha de bronze no exercício de equilíbrio, e de prata no exercício dinâmico nos II Jogos Europeus realizados em Minsk, Bielorrússia.

No caso de Braima Dabó, o atleta destacou-se nos Mundiais, no Qatar, por ter ajudado um atleta de Aruba a terminar a prova de 5000 metros. O guineense que estuda em Bragança (e vive em Portugal desde 2011) é agora um dos quatro nomeados para o prémio fair-play, relativo aos Mundiais de Atletismo, promovidos pela IAAF.

Na eliminatória dos 5000 metros, a cerca de 250 metros da meta, Dabó ajudou Jonathan Busby a concluir a prova, amparando-o, depois do atleta de Aruba ter apresentado sinais de quebra física e dificuldades em manter-se em pé. Os dois atletas tornaram-se inevitavelmente amigos.

O vencedor do prémio será anunciado no Mónaco, na gala da IAAF que se realiza a 23 de novembro.