,

Programa Saúde Escolar trouxe Pinto da Costa à Maia

O Programa Saúde Escolar da Maia para 2019/2020 reuniu parceiros, padrinhos e embaixadores, a par de alunos e professores, para a cerimónia oficial de assinatura de protocolos. A cerimónia solene decorreu no dia 5, no salão nobre dos Paços do Concelho da Maia.

Pinto da Costa representou o FC Porto como embaixador deste programa da autarquia, que promove ao longo do ano letivo, nas escolas, diversos projetos ligados à Saúde, especialmente na área da prevenção.

O presidente do FC Porto deu os parabéns à Câmara da Maia: “esta cidade, realmente, é um progresso constante e o futuro está, de facto, assegurado, quando se verifica o cuidado, o carinho, a participação de tantos agrupamentos escolares para bem da juventude, para preservar o seu futuro. É um sinal que a tradição, que o passado, que o orgulho que todos os nortenhos têm da cidade da Maia, no que foi o seu crescimento e valorização, no que foi a dedicação dos grandes homens que por aqui passaram se torna realmente uma tranquilidade para o futuro”.
O dirigente deu os parabéns a António Silva Tiago, presidente da Câmara da Maia.

Maia tem “trabalho de equipa”

Na sua intervenção, o autarca maiato, respondeu ao embaixador do Programa Saúde Escolar que este trabalho é de equipa e já decorre no município há várias décadas.

“Ele (Pinto da Costa) conhece bem esta terra e sabe qual o caminho que tem vindo a fazer – de afirmação – desde o saudoso Vieira de Carvalho, passando por Bragança Fernandes, e agora comigo e com a minha equipa”, afirmou Silva Tiago.

O presidente fez questão de apontar o empenho da vereadora da Saúde e Educação, Emília Santos, a quem apontou as qualidades de “excelente executiva”, que tem vindo a colocar “a saúde no mapa”, aqui na Maia.

O autarca declarou que este trabalho estende-se ainda a outras áreas, como Educação, o Ambiente, entre outras, graças ao grande empenho da sua equipa.

Saúde Escolar na 15ª edição

Criado no ano de 2005 com apenas duas áreas de intervenção, a Educação Alimentar e a Prevenção Solar, disponibiliza hoje 16 áreas de saúde escolar, destinadas a todos os Agrupamentos Escolares do Concelho da Maia, Infantários da Santa Casa da Misericórdia da Maia e à ASMAN.

Existem neste programa diversos projetos que dinamizam a prevenção da Saúde em áreas distintas , desde os cuidados com a visão, com a postura corporal, a prevenção solar, ou ainda cidadania, primeiros socorros, ou alimentação saudável.
 
Um dos projetos, o Maia Pequenos Socorristas, é apadrinhado pelo presidente da Cruz Vermelha Nacional. Francisco George esteve presente na cerimónia e enalteceu o papel da Câmara da Maia na prevenção da Saúde dos seus cidadãos.

Em entrevista ao Maia Primeira Mão afirmou que “a Maia está de parabéns, todos aqueles que vivem neste magnífico município sabem bem que têm condições de progresso, que caminham para a promoção e conservação da Saúde. Este é um trabalho que começa nos bancos da escola, mas não é aos seis anos, é nos bancos da escola na pré-primária”.

Francisco George acrescentou que é preciso sensibilizar todas as famílias para que “as crianças deixem de estar em frente a monitores, deixem de estar ligados aos telemóveis dos pais e dos avós e que, além da alimentação saudável tenham condições para o exercício físico”.
Hoje, sublinhou, “sabemos que se tivermos alimentação saudável, juntamente com exercício, temos o problema da prevenção das doenças resolvido”.