“A Arquitetura e a Cidade” exposição no Fórum da Maia é inaugurada hoje às 18h30

0
231
Mês da Arquitetura da Maia
- Publicidade -

Depois de meses encerradas, as Galerias do Fórum da Maia, reabriram ao público hoje, 6 de abril, com a exposição “Mês da Arquitetura da Maia 2021” que é oficialmente inaugurada às 18h30.

Sob o mote “A Arquitetura e a Cidade”, e com base em 17 projetos que marcaram a construção da Maia, a edição deste ano do Mês da Arquitetura da Maia (MAM) sugere uma leitura da evolução da cidade a partir da sua arquitetura. 

O Mês da Arquitetura da Maia é uma exposição de iniciativa da Câmara Municipal da Maia, comissariada por Nuno Antunes Lopes, arquiteto maiato, licenciado e mestre pela Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto (FAUP), responsável pela Unidade de Gestão de Projetos e Reabilitação Urbana da Espaço Municipal – Renovação Urbana e Gestão do Património, E.M., S.A., e Sérgio Filipe Pinto Amorim, arquiteto, também licenciado pela FAUP e doutorado pela Universidade Lusíada do Porto, professor universitário e investigador do CITAD – Centro de Investigação em Território, Arquitetura e Design e do CEAU – Centro de Investigação em Território, Arquitetura e Design. O design gráfico é da autoria de Miguel Brugo Rocha.

A exposição estará no Fórum da Maia a partir de hoje e até 16 de maio, e poderá ser visitada de terça a domingo, entre as 10h e as 22h. A entrada é gratuita. 

No contexto da recente celebração dos 500 anos do Foral da Maia, o MAM 2021 propõe uma narrativa, entre muitas possíveis, da construção da cidade da Maia e do seu centro. Trata-se de uma visão configurada através de um conjunto de obras de arquitetura que, em si próprias, e através das relações que estabelecem com a cidade, são capazes de explicar ou, pelo menos, testemunhar, alguns dos principais processos da transformação urbana ocorrida, em particular, nos últimos sessenta anos. 

Para além da arte, da técnica, dos desenhos, do virtuosismo dos autores e da obra realizada, Mário Neves, vereador da Cultura da Câmara da Maia, assume que “uma das ideias-força da exposição é evidenciar o processo do “fazer arquitetura” – o imenso labor dos que a criam e constroem, umas vezes com maior atenção mediática, outras no silêncio do anonimato.”

Maia Jardim também recebe parte da exposição 

As Galerias Comerciais do Maia Jardim também serão palco do Mês da Arquitetura da Maia 2021 [fora de portas]. Com o mesmo mote, “A Arquitetura e a Cidade”, a exposição será uma pequena mostra do que os maiatos poderão encontrar no Fórum da Maia. Partindo de uma seleção dos 17 projetos e obras marcantes, os visitantes poderão descobrir os processos de conceção de algumas arquiteturas de referência através de desenhos, fotografias e textos que permitem explicar o desenvolvimento da cidade nas últimas décadas e perspetivar o futuro.

Até 30 de abril, os interessados poderão visitar esta mostra nas Galerias Comerciais do Maia Jardim entre as 8h00 e as 21h00 à semana e das 8h00 às 19h00 ao sábado e ao domingo (horários sujeitos a alterações). A entrada é gratuita.
 

- Publicidade -