Banda Marcial de Gueifães abriu o ciclo Música pelo concelho com nota artística

0
294
Banda Marcial de Gueifães

Coube à multissecular Banda Marcial de Gueifães dar o concerto inaugural do ciclo “Música pelo Concelho da Maia” num espetáculo que se realizou no passado sábado, 12 de setembro, na Casa do Alto de Pedrouços.

O evento em que a Música Filarmónica foi rainha, o público presente esteve à altura do acontecimento cultural e das circunstâncias atuais marcadas pela pandemia, cumprindo escrupulosamente as regras estabelecidas pela Direção Geral de Saúde.

António Silva Tiago, presidente da Câmara da Maia e um apreciador deste género musical, demonstrou a sua satisfação pela lição de civismo dos maiatos de Pedrouços e deu nota artística à Banda de Gueifães: “…foi um concerto fantástico por uma das 2 Bandas filarmónicas de que muito me orgulho de ter no nosso concelho. Estou certo que o próximo concerto com a Banda de Música de Moreira vai ser igualmente de grande qualidade. Não posso deixar passar em claro o facto dos pedroucences terem demonstrado o seu elevado civismo no respeito das regras que nos protegem a todos do risco de contágio…”.

O programa interpretado foi constituído pelas seguintes obras: En Er Mundo – Pasodoble flamengo de J. Fernandez com orquestração de Gert Buitenhuis; Suite Alentejana de Luís de Freitas Branco; The Phantom of the Opera de Andrew Lloyd Webber com arranjos de Jahan de Meij; Português Suave de Carlos Marques; Xutos Medley de Luís Cardoso; Retalhos do Minho de Valdemar Sequeira; Hino da Banda Marcial de Gueifães (Letra de Vítor Bastos/Música de José Maciel).

Os 2 próximos concerto deste ciclo realizam-se já nos dias 18, próxima sexta-feira, no Parque de Santo Ovídeo, em Folgosa, e no sábado, 19 de setembro, no Monte da Senhora da Hora, na Freguesia de Nogueira – Silva Escura. Serão dois concertos pela Banda Musical de Moreira.

Apesar de serem previsivelmente ao ar livre, não dispensam o respeito pelas regras impostas pela DGS para proteção do contágio da Covid19.

Esta é uma iniciativa da Câmara Municipal da Maia produzida pelo Pelouro da Cultura.