Ciclo de Fado no Fórum da Maia com nomes consagrados

0
327
- Publicidade -

No próximo mês a Maia terá oportunidade de viver mais um ciclo de Fado, assistindo a espetáculos de nomes consagrados.

No dia 22 de novembro, às 21h30, o Grande Auditório do Fórum da Maia recebe “Aromas de Fado” com João Chora.

João Chora, que comemora 30 anos de carreira, apresenta o seu mais recente trabalho discográfico “Aromas de Fado”, com produção de Custódio Castelo.

Nascido na Chamusca, no coração do Ribatejo, transporta consigo todas as tradições fadistas duma região, como se a sua voz tivesse sido abençoada pelo Tejo e salpicada pelas cores verdejantes da Lezíria.
Neste espetáculo João Chora traz como convidados Custódio Castelo, Marla Amastor e Fernando Maia.

Os bilhetes têm preço único de 10 euros.

No dia 23, à mesma hora e no mesmo espaço, apresenta-se “Sons de Coimbra”, um espetáculo que se divide em duas partes: a primeira, preenchida pela Serenata de Coimbra, e a segunda parte, pelo Fado com dança e Fado com coral.
Na segunda parte colaborarão com o “Sons de Coimbra” a Escola de Dança Maia Club e o Grupo Coral da Justiça.

Trata-se de um encontro de Academias e de Gerações.

Três cultores do Canto e da Guitarra de Coimbra avançam em 2016 para a presente realização discográfica. Diferentes Gerações (duas essencialmente) e Academias (Universidades de Coimbra, do Porto e do Minho).

“Sons de Coimbra” é um trabalho abarcante na seleção de temas, maioritariamente caraterizado pelos caminhos do Canto e da Guitarra de Coimbra do último meio século.
O bilhete tem custo único de 5 euros.

Para o dia 24, está reservado o concerto “Sala de estar” por Carlos Leitão. Também às 21h30, no Grande Auditório do Fórum, Leitão apresenta parte do reportório do seu disco “Sala de Estar” e alguns dos temas mais emblemáticos de um reportório que faz parte da sua vida enquanto homem, músico e jornalista.

Compositor, letrista e intérprete, Carlos cria uma simbiose tranquila e cativante entre as suas inequívocas raízes tradicionais do Fado e as suas criações.

O bilhete custa 10 euros (unitário).

- Publicidade -