D. José Correia da Silva evocado pelos maiatos

0
237
imagem DR
- Publicidade -

 

S. Pedro Fins evocou um dos seus naturais, «o bispo de Fátima», D. José Alves Correia da Silva. A esta cerimónia associou-se a Câmara da Maia, integrando o ato nas comemorações dos 500 anos do Foral da Maia.

Assim, na Igreja paroquial de S. Pedro Fins estiveram no último domingo, o presidente da Câmara Municipal, António Silva Tiago, o presidente da Junta de Freguesia de S. Pedro Fins Alvarinho Sampaio, e o Vigário da Vara padre Augusto Silva e ainda párocos das paróquias do concelho. Associaram-se ainda ao evento, cuja organização contou com o empenho de colaboradores do município, o presidente da Assembleia Municipal da Maia, Bragança Fernandes, e os vereadores municipais, Paulo Ramalho e Emília Santos. 

Evocando a memória de D. José, Silva Tiago salientou que o bispo assume-se como figura importante não só para a sua freguesia natal, como também para todo o concelho da Maia, “enquanto referência histórica e ética. Uma referência, cuja dimensão simbólica, na construção da nossa identidade cultural, me merece todo o apreço”.

A cerimónia contou com uma intervenção conjunta dos historiadores da Câmara da Maia, José Maia Marques e Rui Menezes, que destacaram a pertinência de uma biografia sobre o homenageado e o papel desempenhado na credibilização das aparições de Fátima.

De referir ainda que também foi orador Adélio Abreu, Professor de História da Igreja na Universidade Católica do Porto e Diretor da revista “Igreja Portucalense”. A sua intervenção abordou os períodos históricos de 1820 até 1910 e desde o ano da implantação da República até 1918. Recorde-se que nomeação de D. José Alves Correia da Silva aconteceria em 1920.

D. Manuel Linda, o bispo do Porto, foi quem presidiu, juntamente com o pároco da freguesia, Domingos Areais, à missa de sufrágio por D. José Alves Correia, tendo também marcado presença na iniciativa cultural.

Ambos apontaram o relevante trabalho de D. José em Fátima assim como a importância de se proporcionar um evento cultural em ambiente religioso.

- Publicidade -