Fórum da Maia apresenta exposição Arte e Património

0
211
quadro da coleção de Arte da Câmara da Maia

Após o período de confinamento as Galerias do Fórum da Maia reabriram ao público no passado dia 19 de maio com a exposição “Arte e Património – obras da Coleção da Câmara Municipal da Maia”, que estará patente até 13 de setembro. Muitas dessas obras ou nunca foram expostas ou foram-no apenas uma vez.
 
«Sem qualquer tipo de preconcepções nem de filtros, sem rótulos incómodos e às vezes mal atribuídos, procuramos dar a conhecer ao público uma visão de diversos artistas, muitos deles da Maia, sobre o território e o património maiato.
 
O território, tal como folha em branco, é trabalhado pelas pessoas que, ao fazê-lo, criam aquilo a que chamamos património, seja de natureza material, seja imaterial. Essas pessoas, o povo, no sentido antropológico do termo, cria formas, transforma e interpreta visões da realidade, produz riqueza, subsiste e prospera».
 
Esta exposição está organizada em quatro grandes núcleos, em torno de quatro grandes temas/motivos: a Praça do Município e os edifícios que foram Paços do Concelho, o centro simbólico mas também político do território; as pessoas, património tantas vezes esquecido de um território e de uma cultura, aqueles que moldam e transformam realidades; os trabalhos, tradicionais ou não, atividades que essas pessoas realizam na prossecução dos seus objetivos; o património arquitetónico como marca indelével na paisagem.
 
O objetivo é mostrar como este território e as suas gentes foram afrontando o passar dos tempos e deixando marcas da sua ação na paisagem, desde uma fortíssima mancha agrícola até à força industrial e residencial, desde uma ruralidade profundamente entranhada até uma contemporaneidade perfeitamente assumida.
 
É a visão dos artistas sobre o evoluir e o pulsar dessa Maia que eles conheceram, conhecem e nos mostram.
 
Artistas: Lídia Póvoa, Luciano, Farinha, P. Félix, Bruno Loureiro, Andreia Nunes, António Casimiro Moreira, Hernâni Godinho, Pombal da Costa, Pinho, Joaquim Pato, Altino Maia, Manuel Sá, Mestre Albino José Moreira, Susana Carvalho, António Matos, Mário R., Alísio Seabra, António Pato, Barroso Moreira, Daniel Maia, António Azevedo, Lourdes Ferreira e J. Monteiro.
 
O acesso é gratuito e as visitas podem ser feitas de terça-feira a domingo, entre as 10h00 e as 22h00, com as seguintes regras para os visitantes:
 
– Respeitar a limitação do número de visitantes definido pelo Fórum;
– Aguardar a autorização dos supervisores de sala para entrar em cada galeria de exposição;
– Usar máscara facial;
– Utilizar desinfetante para as mãos;
– Respeitar a distância de segurança de 2 metros entre visitantes.