Maia saúda época de vindimas com uma ‘colheita’ de ações culturais

0
159
Jazz

Esta época de vindimas, numa altura em que estamos prestes a iniciar o outono, inicia-se em clima de festa e convívio na Maia. Uma espécie de “vindima” de cultura marca a cidade.

O Fórum da Maia recebe de 2 a 11 de outubro o Festival Internacional de Teatro Cómico da Maia, que festeja 25 anos e que já representa um marco no panorama do teatro da Península Ibérica.

Chega ainda à Maia a nova edição da Orquestra para bebés, após tão bons resultados na primeira edição. Será uma iniciativa da Divisão de Cultura da Câmara Municipal da Maia, em colaboração com a Escola de Música Maestro Samuel Santos e pretende promover a segunda edição da Orquestra para Bebés que decorrerá de 6 de setembro de 2020 a 11 de julho de 2021, com duas sessões diárias.

Orquestra para bebés

A Divisão de Cultura da Câmara da Municipal da Maia promove ainda outros eventos que instiguem o gosto pela cultura, com o objetivo de apoiar artistas que viram a sua atividade completamente pausada devido à Pandemia. Deste modo, nos dia 12 e 13 de setembro, o auditório exterior do Fórum da Maia irá receber três concertos de Jazz, em parceria com a Associação porta Jazz.

Medidas como a lotação limitada do recinto e a distância mínima entre os utilizadores do espaço, lugares devidamente identificados, circuitos para entrada e saída diferenciados, e desinfetante de mãos serão rigidamente cumpridas, a par de outras medidas recomendadas pela DGS.

Nos dias 18, 19 e 20 de setembro, no mesmo palco que os concertos do Jazz irá acontecer a segunda edição do Maia Blues Fest, reconhecido pelo público e crítica da especialidade como um dos melhores eventos nacionais e terá, este ano, um cartaz com artistas nacionais e estrangeiros que serão revelados brevemente.

Maia Blues

A 25 de setembro, os serviços educativos darão início à primeira formação de Desenho de Ilustração, que já se encontra esgotada.

Nas Galerias do Fórum da Maia será inaugurada, nesse mesmo dia, a exposição “Sem Limites”, que é uma mostra sem restrição de idade, género, disciplina ou tendência e é uma parceria entre a SOS ARTE PT e a Câmara Municipal da Maia, através do seu Pelouro da Cultura.

Cerca de 100 artistas irão participar. É comissariada por António Cerveira Pinto, Fátima Lambert, Margarida Sardinha, Nuno Sacramento e Regina Frank, que estará patente até 18 de outubro.