Porto perde o “Fazer a Festa”

0
111

O Porto perde este ano o "Fazer a Festa – Festival Internacional de Teatro". Por causa do diferendo entre a Câmara Municipal do Porto e a companhia Art’Imagem.

Há mais de 15 anos que o Art’Imagem promovia o "Fazer a Festa", no Porto.  A realização do festival já esteve em risco nos dois últimos anos, por falta de apoios financeiros, mas acabou por decorrer nas datas previstas.

Este ano, a companhia teatral voltou a pedir ajuda à empresa Municipal Porto Lazer, EM e até solicitou  um aumento do apoio de 15 mil para 20 mil euros. Sem afastar a possibilidade de aumento da ajuda, os 15 mil euros foram confirmados a 16 de Fevereiro pela empresa municipal. Já em Março, no dia 25, o Art’Imagem foi convocado para uma reunião urgente onde foi informado que “o ‘FAZER A FESTA’ não teria qualquer apoio financeiro devido a dificuldades orçamentais”, pode ler-se num comunicado hoje emitido pela companhia de teatro.

Como forma de protesto, e a título excepcional, o Art’Imagem decidiu  promover a 28ª edição do “FAZER A FESTA – Festival Internacional de Teatro” na Quinta da Caverneira, em Águas Santas, na Maia. Mas desejando que, "no próximo ano, o ‘Fazer a Festa – festival internacional de teatro’ volte aos jardins do Palácio de Cristal, seu ‘habitat’ natural, em condições de dignidade que este ano não existiram", acrescenta a nota.

Os problemas entre o Teatro Art’Imagem e a Câmara do Porto  não são de agora. Começaram em 2006, altura em que a companhia colocou a câmara em tribunal "por incumprimento do apoio financeiro já acordado ao “Fazer a Festa” desse ano", pode ler-se num comunicado hoje emitido pelo grupo.

MC