Teatro À(s) Quintas de volta ao Grande Auditório do Fórum da Maia

0
233
Karlik Danza Teatro

 
 
Durante o corrente ano de 2020 o Teatro Art´Imagem e a Câmara Municipal da Maia, dando seguimento ao protocolo existente desde há alguns para a divulgação, formação e apresentação de espetáculos teatrais no concelho, iniciaram um novo programa de Teatro denominado “Teatro à(s) Quinta(s)”.

A iniciativa consiste na apresentação de 4 espetáculos de Teatro no Grande Auditório do Fórum da Maia, sempre às quintas-feiras, dois em cada semestre (30 de Janeiro, 27 de Fevereiro, 30 de Julho e 26 de Novembro), sempre às 21h30 e com entrada livre.
 
Assim, no dia 30 de julho, às 21h30, sobe ao palco “El Licenciado Vidriera” pela companhia Karlik Danza Teatro, de Casar de Cáceres (Espanha).

Com indicação para maiores de 12 anos e uma hora de duração, a peça é uma adaptação do texto inspirada nos novos conceitos de dramaturgia, mas respeitando a obra original e a linguagem Cervantes.

Funde o teatro textual e físico com o flamenco ao vivo, símbolo do grito de loucura do protagonista, e com um espaço sonoro que transforma composições musicais em verdadeiras referências com valor narrativo.
 
Um conto pertencente às “novelas exemplares”, escrita entre 1590 e 1612, mas que não foram reunidos até 1613 pelo próprio Cervantes, após o reconhecimento obtido pela primeira parte de D. Quixote. “Mr. Vidriera” é a adaptação, a partir de um processo de investigação teatral contemporânea.
 
Com uma aposta cenográfica carregada de poesia visual, há um trabalho conceptual dos objetos e um simbolismo em que os elementos adquirem significados diferentes, nos quais as criações em vídeo também têm destaque.
 
Texto: Miguel Cervantes; Direção e dramaturgia: Cristina D. Silveira; Adaptação e assistência: Pedro Luis López Bellot; Interpretação: Jorge Barrantes e Alberto Moreno; Cenografia e adereços: David Pérez e Diego Ramos; Figurinos: Myriam Cruz; Espaço Sonoro: Alberto Rodríguez; Criação de vídeo: The Loft Theatre e Mara Nuñez; Iluminação: David Pérez.
 
Entrada Gratuita e seguindo todas as orientações da DGS para as salas de espetáculos.