Teatros sobem o pano ‘online’ do D. Maria ao S. João

0
214
Foto do site tnsj.pt
- Publicidade -

O Teatro Nacional de S. João, do Porto, e o D Maria II, em Lisboa, têm transmissões ‘online’ das peças que tinham em cartaz e que viram as sessões canceladas devido ao confinamento decretado no passado dia 14.

A peça “As três irmãs”, de Anton Tchekhov, concebida e dirigida por Carlos Pimenta, e “Autópsia”, a mais recente criação da coreógrafa Olga Roriz, são as propostas ‘online’ do teatro nacional do Porto, enquanto o D. Maria II inicia as transmissões no dia 29, com “Carta”, a nova criação de Mónica Calle, que teve duas representações em antestreia antes de decretado o confinamento.

O Teatro S. Luiz e o Teatro do Bairro também divulgaram hoje as coordenadas de acesso aos seus espetáculos ‘online’, juntando-se a propostas já conhecidas de companhias como o Teatro da Garagem e o Teatro Aberto.

Do Teatro Nacional D. Maria II, “Carta” estará disponível para visualização até 12 de fevereiro, e os bilhetes, a três euros, estão disponíveis na plataforma Bilheteira OnLine (Bol).

A partir de dia 30, o D. Maria II volta a abrir a Salinha Online, dando início à exibição de mais de 20 histórias pensadas para a infância, realizadas por diversos artistas, a partir das suas próprias casas.

A Salinha Online é uma iniciativa do D. Maria II e do Grupo Ageas Portugal, conta com o apoio da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e da Câmara Municipal de Lisboa. O acesso a todas as histórias é gratuito e é transmitido na plataforma Vimeo (https://vimeo.com/showcase/7000465).

A cada domingo, o D. Maria II vai recuperar também as memórias de pessoas de diferentes gerações, ligadas à história do teatro e às profissões que o fazem, no projeto Corrente de Transmissão.

- Publicidade -