Acro Cup 2010 com ginastas “de topo”

0
147

“Foi a melhor edição de todas”, das quatro já organizadas. Falamos do Maia International Acro Cup, pelo quarto ano organizado pelo Acro Clube da Maia, com o apoio da Câmara Municipal da Maia e da Federação Portuguesa de Trampolins e Desportos Acrobáticos.

As palavras foram usadas pelo técnico do clube maiato, Lourenço França, momentos antes da entrega dos prémios, ao final da tarde de domingo. E numa altura em que a competição prosseguia ainda no Complexo de Ginástica da Maia.

Apesar dos receios iniciais, justificados pela conjuntura económica internacional, a prova de ginástica acrobática juntou na Maia mais de 80 pares, num total de 200 ginastas, sendo 110 estrangeiros e os restantes portugueses. “E nunca o complexo de ginástica esteve tão cheio como nestes três dias”, sublinhou o treinador, acreditando que para isso tem também contribuído o incremento da modalidade no concelho. Ao ponto de já não irem assistir apenas os familiares dos atletas em prova.

Para o sucesso desta quarta edição deverá ter contribuído também a qualidade das equipas participantes, algumas delas “de topo”. Destacam-se alguns dos campeões europeus provenientes da Rússia e o melhor par feminino do Mundo, que é inglês. Juntaram-se ainda participantes da Bélgica, da Holanda, da Irlanda, da vizinha Espanha e, claro, portugueses. Competiram nos escalões juvenis, juniores e seniores.

Ao participarem nesta quarta edição do Maia International Acro Cup, todas as delegações de ginástica acrobática receberam já o convite para regressarem ao concelho em 2011, entre os dias 2 e 6 de Março. Conclui Lourenço França “que já começa a haver um movimento de pessoas que seguem a prova”. Desde logo, as delegações que já fazem da participação neste torneio uma tradição. Sobretudo as estrangeiras, que levam para casa memórias da hospitalidade.

Em casa, e referimo-nos ao Acro Clube da Maia, ficaram alguns prémios deste torneio de 2010. Em juniores, os maiatos ganharam a competição por equipas e em pares femininos, com a dupla A Pereira / M Ferro. No mesmo escalão, o ACM terminou a competição de pares mistos em 2º e 3º lugares. Nos trios femininos, prova ganha pelo Ginásio Clube Português (GCP), o ACM ficou em 3º, com C Magalhães / L Piqueiro/ I Gomes. Já em seniores, o par misto do GCP venceu, mas logo a seguir aparecem J Ferreira / F Silva, do Acro Clube da Maia. Por tudo isto, Lourenço França conclui que a prestação da equipa da casa, em termos globais, “foi muito boa”.

Marta Costa