Águas Santas derrotado na Supertaça

0
186

O Águas Santas foi derrotado pelo Benfica na final da Supertaça de andebol que decorreu no passado fim-de-semana em Portimão.
Os maiatos entraram melhor no jogo e estiveram em vantagem até quase ao final da primeira metade, valendo o guardião encarnado João Ferreirinho com várias defesa a não deixar dilatar o marcador. Na segunda parte, o Benfica geriu bem o jogo e o plantel, acabando com uma vitória por 28-20.
O treinador aquissantense, Jorge Borges, considera que a diferença de valores entre as equipas foi decisivo: “É verdade que não terminou como queríamos, mas tudo fizemos para ter outro resultado. Não foi possível porque o Benfica foi mais forte, temos que reconhecer que têm maiores argumentos e desta vez foram melhores”.

Para chegar à final, o Águas Santas bateu o Madeira SAD e empatou com o ABC. Resultados que, segundo o técnico, são motivadores para o resto da época: “Isso é sempre um aspecto positivo e que dá confiança. Nós já sabíamos que em condições normais a nossa equipa consegue bater-se com qualquer adversário. Esta Supertaça serviu para provar isso”.
O Águas Santas vira-se agora para o campeonato, onde ocupa a sexta posição e quer marcar presença na Fase Final: “Esse ´+e o principal objectivo. Na Supertaça o mínimo era estar na final e conseguimos. Mas é preciso não esquecer que a prova maior é o campeonato. Temos um longo caminho a percorrer, estamos nos seis primeiros e é aí que queremos terminar esta 1ª Fase”, conclui Jorge Borges.

André Cordeiro