Andebol em foco no Handball Project

0
194

A associação Handball Project, em conjunto com o Instituto Superior da Maia, vai dedicar uma semana ao andebol com um congresso e um centro de alto rendimento dedicado aos andebolistas mais jovens.
A iniciativa inicia-se com o congresso “Andebol, um passo para o futuro”, que se realiza no Auditório do ISMAI. O congresso arranca amanhã à noite com a homenagem a Fernando Jorge Oliveira, antigo treinador das selecções nacionais e de equipas como Desportivo de Portugal, Salgueiros e FC Porto. Nesta homenagem a entrada é livre.

No domingo o congresso continua com a presença de Jordi Ribera (treinador do Ademar León e ex-seleccionador masculino do Brasil), Juan Fernández (coordenador técnico da associação espanhola de treinadores de andebol) e Filipe Calado (11 anos consecutivos campeão nacional feminino pelo Madeira SAD e vencedor também consecutivo de 12 Taças de Portugal).

Na segunda-feira inicia-se o Centro de Treino de Especialização Handball Project 2010, que se desenrolará na cidade da Maia e nas instalações do ISMAI e será dedicado a jovens entre os 13 e 17 anos. Até à próxima sexta-feira passarão pelo centro de alto re4ndimento caras bem conhecidas do andebol como Jordi Ribera, Juan Fernández, Carlos Resende (ex-técnico do FC Porto), Jorge Rito (treinador do ABC) e o treinador do Águas Santas Jorge Borges.

Um dos dinamizadores do projecto, Paulo Sá, alerta para a importância deste centro no desenvolvimento dos atletas: “Este Centro de Treino de Especialização é pioneiro e inovador em Portugal, sendo vocacionado para atletas de andebol que ambicionem atingir um nível competitivo de excelência. Irá proporcionar aos participantes a possibilidade de durante cinco dias, em regime de internato, treinarem com alguns dos melhores treinadores nacionais e internacionais, melhorando as suas qualidades como potenciais atletas de futuro”, afirmou o também treinador de andebol.

Paulo Sá refere que este centro não se destina exclusivamente à vertente do treino: “Juntamente com os treinos bidiários, os participantes realizarão também testes de força, testes físicos, sessões com psicólogos, nutricionistas e fisioterapeutas”, finalizou Paulo Sá.

André Cordeiro