Castelo contrata Santos Cardoso, Folgosa contrata Maurício

0
195

O SC Castelo da Maia decidiu mudar de treinador. No início desta semana, a equipa castelense de futebol chegou a acordo para a rescisão com o técnico Pedro Vieira e contratou Santos Cardoso, treinador que estava no Folgosa… apenas 24 horas antes.
O presidente do clube, Baltazar Ferreira, afirma que a mudança de técnico ocorreu pelas razões habituais: “Os motivos são os de sempre: os resultados desportivos. Em termos de profissionalismo e desempenho, a imagem que temos de Pedro Vieira é a melhores. No entanto, os resultados não corresponderam às expectativas. Desejamos-lhe o melhor no futuro”, diz o presidente castelense.

Juntamente com Pedro Vieira, que tinha treinado os juvenis do clube na temporada passada, saíram também o treinador de guarda-redes Mário e o preparador-físico Alexandre.
Para o comando técnico da equipa, o Castelo da Maia encontrou a solução em Santos Cardoso, que ainda na segunda-feira era treinador do Folgosa e que já passou pelo clube em 2008/2009.
Baltazar Ferreira conta que foi uma escolha ponderada: “Na situação em que nos encontramos, precisamos de um treinador experiente, conhecedor da divisão, das equipas, do futebol distrital e dos jogadores. O Santos Cardoso foi o treinador que reuniu essas condições e queremos agora assegurar a manutenção o mais rápido possível”, atira o presidente do Castelo da Maia.

Santos Cardoso mostra-se “entusiasmado” com o novo desafio e confidencia que foram 24 horas vertiginosas: “No início da semana era treinador do Folgosa, e pensei que ficaria até final da época, mas dois dias depois já estou no Castelo. Aceitei este convite porque me permite continuar a treinar e também porque gosto muito do clube. Vou com o espírito de ajudar. Tenho muita confiança que podemos atingir a manutenção. Não é fácil até porque temos dois jogos difíceis aí à porta e também posições onde não há jogadores disponíveis. Mas acho que podemos subir umas posições”, finaliza Santos Cardoso.
O Castelo da Maia ocupa neste momento o 14º lugar da Série 1 da 1ª Divisão Distrital, com 22 pontos. No próximo domingo, o novo técnico estreia-se na deslocação ao terreno do Senhora da Hora.

Folgosa já tem técnico

O Folgosa também não esperou muito tempo a contratar um treinador para a equipa principal. Maurício, antigo treinador do Valonguense, S. Pedro da Cova e Nogueirense, é o senhor que se segue no comando técnico.
O presidente do Folgosa, José Augusto Azevedo, refere que o novo treinador vem “com boas credenciais dadas até por alguns jogadores” e já definiu os objectivos até ao fim da temporada: “Nós pretendemos acabar a época com a maior dignidade possível. Queremos também regressar a um ciclo de vitórias a preparar a próxima temporada pra tentar fazer melhor que o ano passado”.

Em relação à saída de Santos Cardoso, o presidente folgosense aponta a falta de motivação como principal razão: “Não temos nada apontar em termos de honestidade e dedicação ao anterior técnico. Mas queríamos melhorar a classificação da época passada e isso não estava ser conseguido., Além disso, sentimos que se estava a tornar monótono e não motivava os jogadores como devia ser. Os sócios já começavam a achar que ele até queria sair. Saiu com uma vitória e ainda bem porque saiu pela porta grande”, concluiu José Augusto Azevedo.

André Cordeiro