Castelo da Maia: Atacar os lugares cimeiros

0
179

A época 2010/2011 começou um pouco longe do esperado para o Castelo da Maia na Série 1 da 1ª Divisão Distrital da AF Porto. A formação castelense ocupa o 11º lugar da classificação, com 19 pontos alcançados nas 18 jornadas de 2010, e já leva 25 pontos de atraso para o líder Canidelo.

O presidente do Castelo da Maia, Baltazar Ferreira, mostra-se realista em relação aos objectivos da equipa, mas deixa a ideia que a carreira feita até agora podia ser melhor: “Nós sabíamos que os nossos objectivos não podiam ser muito ambiciosos porque tínhamos feito uma remodelação do plantel e era uma equipa muito jovem. Mas ainda assim, penso que a classificação podia ser melhor. Se fizermos uma reflexão sobre esta primeira metade, houve jogos em que perdemos por falta de sorte e outros fruto de erros provocados pela imaturidade. Sinceramente não vi equipas que tenham uma qualidade muito superior à nossa”.

Com a reabertura das inscrições, o Castelo da Maia aproveitou para fazer algumas alterações ao plantel, nomeadamente com a entrada de quatro novos jogadores. Baltazar Ferreira justifica estas contratações com a necessidade de dar mais maturidade à equipa quer a curto, quer a longo prazo: “Introduzimos mais maturidade no plantel para encarar de forma diferente esta segunda metade da época. Há algumas limitações financeiras que encurtam um pouco as escolhas. O objectivo é ter uma mescla de juventude e experiência numa equipa que ainda está em construção. Este é também um projecto de continuidade e serve para lançar uma equipa para o futuro, para dois anos ou mais”, refere o presidente castelense.

Apesar da campanha da equipa estar um pouco abaixo das expectativas, Baltazar Ferreira diz que o técnico Pedro Vieira “foi a escolha certa para o lugar” e reafirma a esperança no treinador: “A confiança não foi minimamente beliscada. É um excelente profissional que tem feito um bom trabalho. Toda a direcção está solidária com ele. Era um ex-jogador, treinador das camadas jovens e uma pessoa da terra. A culpa dos resultados não aparecerem não é do treinador”.
Para a metade da temporada que falta, Baltazar Ferreira lança um objectivo ambicioso: “Queremos ficar nos cinco primeiros, ou pelo menos perto disso. Com os ajustes que fizemos penso que poderemos perfeitamente lá chegar”, conclui Baltazar Ferreira.

No novo ano de 2011, o Castelo da Maia tem outra novidade. Quem quiser acompanhar o clube mais de perto sem sair de casa pode consultar o novo site do emblema castelense em www.sccm.pt.

André Cordeiro