Castelo da Maia: Entrada em falso

0
155

O Castelo da Maia não teve a melhor entrada no ano de 2011. Com dois jogos de elevado grau de dificuldade, a formação castelense foi derrotada em ambos, mas ainda assim perdeu sempre pela margem mínima e continua muito perto da Fase Final.
Os comandados de Rui Pedro Silva começaram por se deslocar até ao pavilhão do campeão Sporting de Espinho. Os campeões nacionais começaram a vencer logo no primeiro set, por 25-18.
Os castelenses reagiram e deram a volta ao marcador com um duplo 19-25, mas permitiram nova reviravolta aos espinhenses por 25-22 e 15-12 na “negra”.

No segundo jogo do fim-de-semana o Castelo até jogava em casa, mas frente ao poderoso Benfica, líder da Divisão A1. Aqui foram os maiatos a entrar melhor e a vencer o set inicial por 25-23. Os encarnados operaram a reviravolta no placar com vitórias por 24-26 e 12-25.
O Castelo ainda empatou o jogo com uma vitória no quarto parcial por 27-25, o que reflecte o equilíbrio na partida, mas foram os lisboetas a vencer uma “negra” muito disputada por 19-21.
Com estas duas derrotas consecutivas, os comandados de Rui Pedro Silva perderam terreno para o trio da frente, mas mantêm o 4º posto com 35 pontos, os mesmos do Fonte Bastardo, mas com menos uma partida realizada.

Neste fim-de-semana o Castelo da Maia tem novo encontro com um candidato ao título. No domingo, às 16h00, recebe o Vitória de Guimarães numa partida onde quererá “vingar” a eliminação na Taça de Portugal, que aconteceu às mãos dos vimaranenses.

André Cordeiro