CD Nortecoope “abandonou” competição

0
265

O Centro Desportivo Nortecoope “abandonou” a sua participação no campeonato nacional da Primeira Divisão de hóquei em patins masculino. Depois da ameaça, que surgiu no final do jogo do passado fim-de-semana, em casa, ante o Barcelos, esta segunda-feira, em reunião, a direcção, decidiu, por maioria, que a equipa iria desistir do campeonato. “Era o melhor”, afirma o director, António Baptista. Assim, a Nortecoope não vai disputar mais nenhum dos quatro jogos que faltam e não será inscrita na próxima temporada, na segunda divisão. Os atletas já deixaram de treinar na terça-feira, altura em que lhes foi comunicada a decisão.

A desistência não está relacionada com motivos económicos e o clube garante que os salários de Maio já foram pagos aos atletas e que a tempo e horas vão também receber o de Junho. Em causa estará então um “grande” descontentamento pela forma como têm sido tratados ao longo de todo o campeonato. Mais, consideram que ao longo do ano têm sido prejudicados. “Pela falta de interesse e de acompanhamento da nossa Associação do Porto, a forma como tudo se desenrola”, afirmou o dirigente.

António Baptista afirma ainda que se vive um clima de descontentamento no seio do clube “com os acontecimentos que se foram sucedendo ao longo da época”. E não falam apenas da participação da equipa masculina. “No feminino, tudo o que se passou jornada com o Mealhada, onde fomos literalmente agredidos, cuspidos, maltratados e passa tudo ao lado da Federação, passa tudo ao lado do conselho de disciplina e nós somos sempre castigados, massacrados porque sempre tivemos uma postura que é de bem receber no nosso pavilhão e nunca ninguém foi maltratado”, afirma. Esta terá sido a gota de água.

Mas será apenas a equipa masculina a ter fim. O CD Nortecoope vai continuar a competir em todos os escalões actualmente existentes: de escolares até juvenis e ainda os seniores femininos. Na Fundação Nortecoope mantêm-se em actividade os escalões juniores, seniores masculinos, que subiram à 2ª divisão, e seniores femininos.

Isabel Fernandes Moreira