Distritais: Só Maia Lidador e Milheirós continuam sem pontuar

0
129

Uma vitória e dois empates. Foram estes os resultados conseguidos pelas três equipas da Maia, que disputam a Divisão de Honra da Associação de Futebol do Porto. Uns mais do que outros, mas certo é que todos conseguiram amealhar os primeiros pontos daquela que é considerada a prova mais dura da AFP.
O Nogueirense continua a perseguir os bons resultados que obteve na pré-época, altura em que venceu dois torneios disputados no concelho da Maia. Assim, na primeira jornada do campeonato, foi a Arcozelo vencer por 0-3. Carminé marcou aos 32 minutos, Loureiro aos 59 e aos 75.

No Municipal da Pedras Rubras, a formação local arrecadou um ponto frente ao S. Pedro da Cova. Num encontro entre dois adversários que já assumiram que vão lutar pela subida de divisão, a formação orientada por Caneco, foi a primeira a marcar, aos 58 minutos, por intermédio de Carlitos II. No entanto, dois minutos depois, Dani empatou para o S. Pedro da Cova, fixando o marcador.
Um empate a uma bola foi o que também conseguiu o Pedrouços, em casa do Salgueiros 08.
Olhando para a tabela classificativa, o Nogueirense lidera com três pontos. Os mesmos três pontos que Infesta, Nun’Alvares, Ataense e Ac Felgueiras. O Pedras Rubras ocupa o 11º posto, com um ponto e o Pedrouços o 12º também com um ponto.

Na próxima jornada, no domingo, os homens de Nogueira da Maia recebem o Barrosas; o Pedrouços o Rio Tinto e o Pedras Rubras vai à Lixa.
Na primeira divisão da Associação de Futebol do Porto, a segunda jornada do campeonato ditou sortes diferentes para as equipas da Maia. A jogar em casa, o Maia Lidador perdeu com o líder, Senhora da Hora, por 0 – 2, com golos de Cheta, aos 23 minutos e de Serrão, aos 70.
No entanto, há a destacar a prestação do guarda-redes maiato, Rúben, que efectuou várias defesas, incluindo um pénalti. Mas isso não foi suficiente e os homens orientados por Hugo Reis continuam sem conhecer o sabor da vitória.

Na outra partida da mesma divisão, o Castelo da Maia foi a Valadares empatar a duas bolas, o que lhe permitiu somar o primeiro ponto desta época. A formação de Vila Nova de Gaia esteve a vencer por 2-0, no entanto, o Castelo acabou por dar a volta ao resultado, fixando o marcador ainda no primeiro tempo, com golos de Pedro, aos 36 minutos e de Tonel, aos 45.
Feitas as contas na série 1, a liderança é assegurada pelo Senhora da Hora, com seis pontos. O Castelo da Maia ocupa o 11º lugar da tabela, com um ponto conseguido, no domingo; o Maia Lidador segue no último posto da tabela, sem pontos.
Na próxima jornada, a terceira, o Maia Lidador desloca-se ao Desportivo de Portugal, equipa que soma quatro pontos,fruto de uma vitória e um empate; o Castelo da Maia vai jogar a Perafita, equipa que também soma um empate e uma derrota no campeonato.
Ainda na primeira divisão da AFP, mas na série 2, o Folgosa da Maia foi a Baião buscar os três pontos. Os homens da Maia venceram pela margem mínima (0-1) o conjunto local e somaram assim a segunda vitória em outras tantas jornadas.

Decorridas duas jornadas, o Folgosa da Maia ocupa o quarto lugar da tabela, com seis pontos. No domingo, cumprindo a terceira jornada, vai receber os Leões de Citânia, que perderam com o Alfenense, na última jornada, por 2-1.
Na segunda divisão da AFP, série 1, o Gondim empatou a uma bola com o Vitrine. Já o Milheirós foi perder ao campo do Progresso, por 2-1. O jogo entre o Águas Santas e o Boavista foi adiado para o dia 22 de Setembro, às 21h00. Um adiamento que está relacionado com a indecisão dos dirigentes axadrezados sobre a participação ou não da equipa nos distritais da AFP.
Na próxima jornada, o Gondim vai jogar ao Cerco do Porto; o Águas Santas desloca-se ao Lusitânia de Santa Cruz e o Milheirós recebe o S. Romão.

Isabel Fernandes Moreira