Distritais: Uns goleiam, outros são goleados

0
165

O fim-de-semana dos campeonatos distritais da AF Porto trouxe uma chuva de golos. O Pedras Rubras goleou o Salgueiros e o Folgosa foi goleado pelo Rio de Moinhos. Nogueirense e Castelo regressaram às vitórias e o Pedrouços às derrotas.
Na Divisão de Honra, o Pedras Rubras está numa época de grande nível. Os homens de Caneco receberam o Salgueiros 08 e “despacharam” os portuenses por 5-1. Ricardinho abriu o marcador com um grande golo, e Biscoito com um bis fixou o resultado em 3-0 ao intervalo. Na segunda parte, André e Carlitos dilataram uma vantagem que só foi reduzida a poucos minutos do fim por Rui João.

O Nogueirense regressou aos triunfos. Os comandados de Fernando Gomes até entraram mal no encontro e aos 14 minutos o Avintes vencia com um golo de Adriano. Os maiatos reagiram ainda antes do intervalo, com Igor a empatar a partida. Na etapa complementar Loureiro e Pedrinho completaram a cambalhota no marcador, fixando o resultado em 3-1.

O Pedrouços não foi tão feliz. Na visita ao terreno do Lixa, os homens de Adriano Gomes não conseguiram segurar o caudal dos homens da casa, que desperdiçaram muitas oportunidades, e perderam por 2-1. Quinzinho e Ruben fizeram os golos do Lixa, enquanto Orlando reduziu em cima do apito final para os maiatos.
Na classificação, o Infesta segue imparável, com 30 pontos e 10 vitórias em 10 jogos. O Pedras Rubras aparece em segundo com 25 pontos. O Nogueirense soma 16 pontos e integra o grupo dos 4ºs classificados, onde também estão Lixa e Nun’Álvares. Quanto ao Pedrouços, caiu para 10º com 13 pontos.

Este domingo joga-se a 11ª ronda do campeonato com o Pedras Rubras a visitar o terreno do Rio Tinto. O Nogueirense tem a tarefa mais complicada da ronda uma vez que se desloca ao campo do líder invicto Infesta. O Pedrouços regressa a casa para receber o Académico de Felgueiras.

Valeu pelo Castelo

Nas divisões mais abaixo só o Castelo tem razões para sorrir com a última jornada. De resto somam-se dois empates e três derrotas, uma delas em forma de goleada.
Os castelenses receberam o Leça do Balio e mostraram superioridade durante todo o jogo. À meia-hora, já venciam por 2-0, com golos de Zé Pedro e Rento, e a partir daqui limitaram-se a gerir o encontro.
Ainda na Série 1 da 1ª Divisão, o Maia Lidador foi até à Trofa defrontar o Bougadense. O jogo não teve golos nem muitos motivos de interesse, e o destaque vai para a expulsão do trofense Baiano aos 61 minutos, mas nem assim os homens de Hugo Reis conseguiram chegar à vitória.

Na Série 2, o Folgosa teve o pior resultado da época até ao momento. Os comandados de Santos Cardoso deslocaram-se ao terreno do Rio de Moinhos e foram goleados por 5-1. Os maiatos até chegaram ao intervalo empatados a uma bola, mas uma segunda parte muito eficaz dos penafidelenses permitiu o avolumar do resultado.
Na classificação da Série 1, liderada pelo Desportivo de Portugal, com 30 pontos, o Maia Lidador caiu para o 9º lugar, somando 18 pontos, enquanto o Castelo mantém o 11º posto com 15 pontos. Na Série 2, o Folgosa também caiu para o 9º posto, com 18 pontos, menos seis que o líder Dragões Sandinenses.
No próximo domingo joga-se a 13ª jornada, com o Maia Lidador a receber o Valadares no estádio Prof. Dr. Vieira de Carvalho. O Castelo da Maia a desloca-se ao terreno do Balasar e o Folgosa o recém promovido Marco 09.

Na Série 1 da 2ª Divisão, apesar das três formações jogarem em casa, não houve vitórias maiatas. O inter Milheirós recebeu o Ramaldense e empatou 1-1. O Gondim foi derrotado pelo Atlético de Rio Tinto por 2-1 e o Águas Santas somou a 11ª derrota da época ao perder por 1-0 com o Vilar do Pinheiro.
Na classificação, liderada por FC Pedroso e Cerco do Porto com 25 pontos, o Gondim é 6º com 18 pontos, o Inter subiu ao 9º posto com 15 pontos e o Águas Santas é último ainda sem pontuar esta temporada.
Na 12ª jornada, marcada para a tarde de domingo, o Inter visita o terreno do Guilhabreu, o Gondim desloca-se ao campo do Sporting da Cruz e o Águas Santas vai até Vila Nova de Gaia enfrentar o Vila FC.

André Cordeiro