Flávia Ferra trouxe de novo o ouro para a Maia

0
406
- Publicidade -

Diogo Moreira e Flávia Ferra sagraram-se campeões da Europa de Pares Artísticos, em Juvenis.

Os juvenis Diogo Moreira e Flávia Ferra subiram, no sábado, dia 8, ao lugar mais alto do pódio no Campeonato da Europa, que se realizou nos Açores, triunfando em Pares Artísticos.

Nas Livres, em Cadetes, Diogo Nogueira também conseguiria um lugar no pódio, com o bronze. Em Juvenis, Beatriz Ventura (quarta) e Catarina Andrade (quinta) ficaram próximas de serem protagonistas na cerimónia de entrega de medalhas, merecendo destaque.

Flávia Ferra é da Maia, mais concretamente de Folgosa, e já nos habituou às medalhas de ouro. No ano passado, em abril, foi duplamente medalhada a ouro no Chapatim Roller Cup, na categoria individual solo dance e ainda pares de dança (com Diogo Moreira). Também ascendeu ao bronze em pares no Campeonato da Europa de Patinagem Artística (que decorreu em Roma). Nessa altura os jovens ainda competiam em cadetes, tendo já ascendido a Juvenis.

Há um ano, a Câmara Municipal da Maia homenageou Flávia Ferra pelas suas conquistas com então 14 anos.

Na altura, Flávia Ferra descreveu ao Primeira Mão a preparação que fazia para este tipo de competição de alto nível, com treino árduo “todos os dias com exceção do domingo”, com o seu par, por vezes mais do que duas vezes por semana, ou então ia ao ginásio.

A ambição da Flávia é ir “o mais longe possível. O grande sonho de qualquer atleta é ser campeão do mundo, mas tenho noção de que é muito difícil, porque há outros pares muito bons. Tem que haver muito esforço e dedicação e, por outro lado, em Portugal não há muitos clubes nem é uma modalidade muito conhecida. Itália é um país muito forte em patinagem e faz muita frente aos portugueses”, afirmou a atleta.

- Publicidade -