Folgosa “cai” frente ao vizinho Paradela

0
637

O Folgosa da Maia cedeu uma derrota caseira frente ao vizinho Paradela, no passado domingo, na jornada sete da primeira divisão, série 2, da Associação de Futebol do Porto. Os comandados de Santos Cardoso perderam por 1-3 num jogo em que era proibido perder para os maiatos. Os 90 minutos ditaram outra sorte mais amarga para o Folgosa, que agora soma três jogos sem uma vitória.

Os maiatos descem assim da sexta para a oitava posição de uma classificação que já lideraram e continuam a somar 11 pontos. O resultado menos bom deste domingo pode ser explicado por falhas de marcação directa na defensiva do Folgosa, que assim permitiu que o Paradela se adiantasse no marcador. A perder por dois golos, o Folgosa ainda reduziu para a diferença mínima, mas o golo do empate não surgiu “mesmo com a baliza escancarada”, confessa o treinador dos maiatos. Santos Cardoso considera o passado domingo “um dia para a esquecer” no capítulo da concretização.
Os homens da frente do Folgosa não conseguiram concretizar ocasiões flagrantes de golo e isso comprometeu o resultado, ainda para mais a jogar “contra uma equipa que se defendeu fortemente”, acrescenta Santos Cardoso. “Tiveram felicidade em dois pontapés para a frente, fizeram dois golos, e a partir daí condicionaram todo o jogo”, aludindo ao fecho do cerco defensivo dos homens do Paradela. “O jogo foi nosso e nem nos passava pela cabeça empatar, quanto mais perder”, confessa o treinador do colectivo maiato.

Para o treinador do Paradela, esta é uma prova para os que não acreditavam na equipa trofense. João Cruz diz que esta é uma vitória “em que acreditava” de uma equipa que está “em construção”, porque “há jogadores que fizeram hoje [domingo] o seu terceiro ou quarto jogo”. Mesmo assim, o treinador do colectivo da Trofa é prudente e garante que o Paradela “não vai embandeirar em arco” e vai manter a “humildade”.

O próximo jogo do Folgosa é em Vila Nova de Gaia, em Lever, para defrontar o Leverense quando forem 15h00, este domingo. Na mesma jornada, o Paradela recebe o Caíde de Rei no complexo desportivo do Clube Desportivo Trofense.

Pedro Póvoas