Miguel Mota vai treinar Clube Académico de Sangemil

0
143

O ex-internacional português Miguel Mota vai assumir o cargo de treinador principal do Clube Académico de Sangemil (CAS), equipa maiata que garantiu o regresso à 3ª Divisão Nacional de futsal. “Foi 50 vezes internacional A da selecção nacional de futsal, na época passada foi o secretário técnico do Freixieiro, onde foi também atleta”, enumera o presidente do clube, Joaquim Reis. Este ano, aceitou o desafio de liderar o projecto do Clube Académico de Sangemil no seu regresso à 3ª divisão nacional.

Miguel Mota vai ter como adjunto Bruno Guimarães, “um homem que já fazia parte do clube, no entanto, vai ter responsabilidades acrescidas, como homem da casa e que tem uma ligação muito forte ao grupo”, afirma o dirigente desportivo. Carlos Moka vai treinar os guarda-redes.
Quanto a objectivos traçados para a próxima época, Joaquim Reis fala de um projecto ambicioso. “Sem colocar fasquias demasiado elevadas mas temos as aspirações legítimas de quem está a fazer uma equipa forte, com um plantel, no meu ponto de vista, com muita qualidade e que, se as coisas correrem bem, como espero, temos hipótese de ter uma palavra a dizer na próxima época na 3ª divisão nacional”.
Se assumir o objectivo de lutar pelos lugares cimeiros da 3ª divisão onde andou nas épocas anteriores à descida, Joaquim Reis prefere usar as mesmas palavras usadas pelo novo treinador por altura da sua apresentação à equipa: “Vamos lutar pela vitória jogo a jogo e no fim fazem-se as contas”.
Quanto ao plantel, Joaquim Reis adianta que 75 a 80 por cento do grupo de trabalho é para manter. “Haverá 20 a 25 por cento de caras novas, mas são caras novas que são mais valias. São valores acrescentados, com provas dadas noutros projectos”.
O primeiro reforço da nova temporada está já confirmado. Trata-se Piro, atleta que alinhou pelo Junqueira. “É a primeira aquisição de vulto e nos próximos dias serão confirmadas mais quatro ou cinco aquisições que vão certamente valorizar o potencial do nosso plantel, é isso que esperamos”, acrescenta Joaquim Reis.
A época 2011/2021 do CAS está programada para arrancar a 23 de Agosto e com uma pré-época com alguma exigência, garante o dirigente desportivo. Para já, “estamos a tentar reunir apoios e reunir argumentos para fazer uma pré-época com o brilhantismo que o campeonato nos vai pedir”.

Isabel Fernandes Moreira