Torneio Academia encerra época jovem do Mocidade de Sangemil

0
232

Este fim-de-semana, amanhã e domingo, o Complexo Municipal de Cutamas, em Pedrouços, acolhe as finais da segunda edição do Torneio Academia, uma organização do Mocidade de Sangemil Atlético Clube. O objectivo é precisamente marcar o encerramento da época da academia de futebol do clube, que movimento cerca de 40 atletas, tal como já fizeram no ano passado.

E face ao sucesso obtido, este ano decidiram repetir a iniciativa. “E tem sido uma festa enorme para os jogadores, para os pais e familiares, para os dirigentes, para toda a gente que acompanha neste torneio”. E a realidade é que “a massa humana que vem ver faz a alegria destes meninos que querem é jogar à bola, faça chuva ou faça sol”.

O torneio já arrancou no passado fim-de-semana ocupando cerca de 100 meninos entre os 6 e os 11 anos, divididos por dois escalões, e pertencentes à Academia do Mocidade de Sangemil e a três equipas que foram convidadas a participar na iniciativa – Escola José Neto, FC Pedroso e Junior Academia.
Mas para além da componente desportiva, o presidente da direcção, Mário Vinhas, afirma que foi mais um fim-de-semana “de alegria com muitos meninos a praticar futebol, onde a alegria e o desportivismo, mais uma vez, esteve acima de tudo”.

Para amanhã, está marcado o apuramento do 3º e 4º lugar e do 2º e 1º lugar no escalão dos 6 aos 8 anos, de futebol de 5. No Domingo de manhã, decorre o apuramento no 4º, 3º, 2º e 1º lugar no escalão dos 9 aos 11 anos, de futebol de 7. A entrega de troféus está marcada para o final da manhã, a partir das 11h30. Uma entrega de prémios que tem o apoio da Câmara Municipal da Maia, que estará representada no acto da entrega.

Mas antes de um fim-de-semana de verdadeira festa desportiva, a direcção do Mocidade de Sangemil toma posse, esta noite, para cumprir mais um mandato de um ano. As eleições decorreram no passado dia 15 de Julho e Mário Vinhas vai manter-se na presidência da direcção porque, quer ele quer a restante direcção, assumiram o compromisso de equilibrar as contas do clube e é isso que pretende fazer antes de se retirar. “A minha disponibilidade já não era muita, já tinha avisado a associação que seria o meu último ano, mas olhando às contas, decidimos avançar o projecto mais um ano para recompor as finanças do clube, que é um dos nossos principais objectivos”, justifica Mário Vinhas.

Em termos desportivos, na época 2011 / 2012, o Mocidade de Sangemil vai competir, no escalão sénior, para defender o título de campeão. Vai também ter uma equipa de juvenis na segunda divisão da Associação de Futebol do Porto, duas equipas de infantis de futebol de 7 e uma equipa de benjamins. “Vamos ter em competição mais de 100 atletas na próxima época desportiva”, afirma o dirigente. A estes ainda se juntam mais cerca de 40 da academia de futebol.

Isabel Fernandes Moreira