Um ano de grande nível para a Académica da Maia-ISMAI

0
142

A Académica da Maia-ISMAI está em grande forma. No final da 1ª volta da Zona Norte da 2ª Divisão, os maiatos somam por vitórias os nove jogos efectuados. Na Taça a mesma eficácia, três jogos, três eliminatórias ultrapassadas.
Em termos gerais, os comandados de Paulo Sá e Mário Santos, não perdem há um ano para o campeonato, somam apenas um empate, ainda na época passada e a única derrota averbada desde Outubro de 2009 foi contra o Sporting da Horta na Taça Presidente da República da temporada 2009/2010.

No último encontro, referente à 9ª jornada do campeonato, a Académica da Maia-ISMAI foi vencer a casa do Académico por 36-37, num jogo equilibrado e complicado para os maiatos. Na classificação, a formação da Maia lidera isolada com 27 pontos, mais três que o segundo Fafe.

O treinador da equipa maiata, Paulo Sá, está satisfeito com a prestação: “Tivemos um excelente ano. Nós já completámos treze meses sem derrotas para o campeonato. É um ano muito positivo, mas não conseguimos atingir a Fase Final na época passada. Esta temporada recomeçámos do zero e temos nove vitórias no campeonato, três na Taça e somos a equipa que lidera, está tudo do nosso lado. Além disso, somos a equipa com mais golos marcados e com maior diferença de golos nas divisões seniores masculinas”.
O técnico maiato quer garantir a passagem à Fase Final o mais rápido possível: “Agora o objectivo passa por atingir rapidamente o apuramento matemático, ficar nos três primeiros. Acredito que uma vitória no próximo fim-de-semana com o Fafe quase nos garante isso e permite-nos preparar e programar melhor o futuro, para que possamos estar nas melhores condições nessa Fase Final”, afirma Paulo Sá

Na Taça de Portugal, a Académica da Maia-ISMAI irá receber o Avanca nos 1/16 de final a 1 de Dezembro, às 19h00. Se passarem os aveirenses, nos oitavos de final os maiatos encontram o Maria Balaio/Colégio 7 Fontes, da 1ª Divisão, também no Municipal da Maia, a 8 de Dezembro.
Paulo Sá assume o objectivo de vencer os dois jogos e chegar aos quartos de final: “Teoricamente são equipas ao nosso alcance. Primeiro temos o Avanca, que é o terceiro classificado do nosso campeonato e que nos criou muitas dificuldades no jogo que fizemos lá, mas jogando em casa temos obrigação de vencer. Passando esta eliminatória, que eu acredito que o façamos, temos uma das equipas mais frágeis da 1ª Divisão. Se queremos estar também na 1ª Divisão, esta equipa não nos poderá criar muitos problemas. Temos que ambicionar vencer este encontro e estar nos quartos-de-final”.

Este fim-de-semana, a Académica da Maia-ISMAI joga a 10ª jornada da 2ª Divisão com a recepção ao segundo classificado Fafe, no Municipal da Maia, amanhã, às 17h00.

André Cordeiro