Detidos por furto de catalisadores

0
285
imagem GNR Porto

O Comando Territorial da GNR do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Santo Tirso, ontem, deteve quatro homens, com idades compreendidas entre os 30 e os 40 anos, pelos crimes de furto e recetação, no concelho de Santo Tirso.

Na sequência de ação de patrulhamento, os militares da Guarda abordaram uma viatura suspeita na Autoestrada A3, verificando-se que no seu interior eram transportados 50 catalisadores.

Após diligências policiais, foi possível apurar que os catalisadores tinham sido furtados em Faro.

A GNR informa ainda que realizou duas buscas, uma domiciliária e outra num anexo, que culminaram na apreensão do seguinte material: 2 automóveis; 50 catalisadores; 1.850 euros em numerário; 5 telemóveis; várias ferramentas utilizadas para perpetrar este tipo de crime.

Os detidos, com antecedentes criminais por ilícitos da mesma natureza, foram construídos arguidos e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Santo Tirso.
 
Refira-se que catalisadores são peças colocados nos tubos de escape dos automóveis, compostos por platina, paládio e ródio, entre outros, e permitem filtrar as emissões tóxicas provenientes do motor e transformá-las em gases inofensivos como o H2O, o Co2 ou o nitrogénio.