Agravamento do estado do tempo

0
163
imagem de arquivo

No seguimento do contacto com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) realizado hoje, dia 03 de dezembro, e de acordo com a informação meteorológica disponibilizada, o Ministério da Administração Interna adverte que se prevê, para as próximas 48 horas, um agravamento das condições meteorológicas, salientando-se:

Vento a intensificar a partir de hoje, diminuindo de intensidade nas terras altas a partir da manhã, dia 4 de dezembro, e no litoral a partir da manhã do dia 5, com rajadas até 75 km/h na costa ocidental e até 95 km/h nas terras altas;

Formação de geada em especial no interior Norte e Centro;

Descida da temperatura (desconforto térmico devido ao vento forte);

Chuva a partir de hoje, podendo ser pontualmente forte no dia 4 no norte e centro, com condições favoráveis à ocorrência de trovoada e granizo;

Queda de neve a partir da tarde de hoje acima de 1400 metros de altitude, descendo para os 600 metros de altitude a partir da madrugada do dia 4;

Persistência de queda de neve fraca no dia 5, subindo gradualmente para 1000 metros de altitude;

Aumento da agitação marítima na costa ocidental, com ondas de noroeste a poder atingir mais de 7 metros no dia 4.