ARS confirma 28 casos de legionella que afeta Vila do Conde e Matosinhos

0
170
imagem SNS

A ARS/Norte confirma apenas os dados: 28 casos detetados, 17 no concelho de Vila do Conde, 10 em Matosinhos e 1 no ACES Cávado III – Barcelos/Esposende.

Um homem, de 85 anos, já faleceu. Há 24 pessoas ainda internadas no Centro Hospitalar Póvoa de Varzim/Vila do Conde e no Hospital Pedro Hispano, duas delas em Cuidados Intensivos.

A Câmara Municipal de Vila do Conde garante estar a acompanhar os casos de legionella, desde o primeiro diagnóstico de um residente no concelho, a 2 de novembro, em contacto permanente e estreita colaboração com as Autoridades de Saúde com competência na matéria, nomeadamente a Delegação de Saúde local.

«Apesar dos esforços desenvolvidos pelas Autoridades de Saúde, neste momento, ainda não é possível identificar a causa/origem dos casos, pelo que nos encontramos a prestar todos os contributos que possam ser úteis para este processo de identificação», refere a Câmara de Vila do Conde em nota de imprensa.
Recorde-se que os casos foram conhecidos publicamente no sábado à noite. Há uma vítima mortal, um homem de 85 anos. Os infetados têm entre 80 e 90 anos. Dez pessoas, do concelho de Vila do Conde estavam ontem internadas na unidade da Póvoa de Varzim, do Centro Hospitalar e duas foram transferidas para o Hospital Pedro Hispano, em Matosinhos, que recebeu outras dez pessoas com o mesmo diagnóstico e de outros concelhos.
Segundo o Centro Hospitalar, que reportava dados de sábado à noite, dois dos pacientes já tiveram alta.