Hospital de S. João está a sentir alguma pressão com mais de 100 casos diários suspeitos de Covid19

0
395
Hospital S. João (foto DR)
- Publicidade -

O Hospital de São João, no Porto, tem atendido mais de 100 casos suspeitos de Covid19 por dia, após o Natal. A unidade está a sentir alguma pressão resultante de um eventual relaxamento no combate à pandemia no período natalício.

Destes casos, 25% a 30% são confirmados como positivos, ainda não sendo até ao momento possível conhecer o efeito do Ano Novo no número de novas infeções.

Num ponto da situação da pandemia no maior hospital da região Norte, Nelson Pereira, coordenador do Serviço de Urgência de Medicina Intensiva do São João, alerta para esta situação que terá tendência a agravar-se, quando começarem a aumentar os internamentos em enfermaria e, consequentemente, internamentos em Unidade de Cuidados Intensivos (UCI).

Até ao momento, ainda não se sente o aumento da pressão nos internamentos, porque, explicou este respionsável, a chegada de novos casos funciona em três ondas. Primeiro, começam a aumentar os casos. Alguns dias depois, aumenta o número de pacientes a necessitar de internamento e só depois se sente essa pressão nos Cuidados Intensivos.

Assim, e tendo em atenção este contexto, Nelson Pereira lançou um alerta para a situação e pediu “máximo cuidado” para os próximos dias.

Neste momento, o hospital de São João tem 101 pacientes com covid-19 internados, 46 deles em UCI, sendo que estão 22 camas de UCI abertas para além da capacidade normal e, tendo em conta a situação atual, será natural que a necessidade de recorrer a esta unidade aumente nas próximas semanas.

Sobre a vacinação do pessoal do hospital, já 2500 foram inoculados contra a covid-19 e mais 1500 serão vacinados esta semana, com vacinas que chegaram esta segunda-feira ao hospital.

- Publicidade -