Porto, Braga e Águeda cidades líderes ambientais

0
146
imagem de arquivo (wikipedia)

Porto, Braga e Águeda estão entre 88 cidades em todo o mundo consideradas líderes ambientais, segundo uma lista divulgada pelo projeto internacional CDP – Transparência, Visão, Ação.

O CDP (que até recentemente se chamava “Carbon Disclosure Project”) é uma organização sem fins lucrativos que apoia investidores, empresas, cidades e regiões a gerir os impactos ambientais.

É financiada pela União Europeia e este ano mais de 9.600 empresas, representando mais de metade da capitalização do mercado global, divulgaram os dados ambientais através do CDP.

De acordo com a lista agora tornada pública, a Dinamarca tem o maior número de cidades europeias com melhor pontuação, seis, seguindo-se a Suécia (cinco), a Finlândia (quatro) e depois Espanha e Portugal, com três cidades cada.

As melhores pontuações colocam as cidades na chamada lista de cidades “classe A”, reconhecendo-se os seus esforços para reduzir as emissões de gases com efeito de estufa e criar resistência aos impactos das alterações climáticas.

No ano passado as cidades portuguesas “classe A” foram Lisboa, Sintra e Guimarães. Os Estados Unidos lideraram em número de cidades A.

No anúncio da lista deste ano o CDP nota que, apesar das pressões para combater a epidemia de covid-19, há três municípios portugueses a juntarem-se a mais 33 outros municípios só da Europa. Para a lista entraram este ano novas 13 cidades do continente europeu.