SOS Animal propõe proibição de corridas de cães em Portugal

0
154
Fonte: Pixabay
- Publicidade -

A Iniciativa Legislativa dos Cidadãos (ILC) lançada pela SOS Animal, correspondente à Proibição das Corridas de Cães em Portugal, já deu entrada e foi aceite na Assembleia da República.

As corridas de cães, maioritariamente da raça galgo, apesar de estarem diretamente relacionadas com dois incumprimentos da lei – maus tratos a animais e abandono – ainda continuam legais em Portugal, explica a SOS Animal em nota de imprensa.

A ILC pela Proibição das Corridas de Cães em Portugal, reuniu mais de 20 mil subscrições da cidadãos portugueses maiores de 18 anos. Dados que comprovam a discordância de grande parte da população portuguesa para com esta atividade “bárbara”, segundo a SOS Animal Portugal.

Previamente já houve uma tentativa de aplicar esta proibição na legislação portuguesa, no entanto grande parte dos deputados (PS, PSD, CDS-PP) votou contra a medida, acabando por ser chumbada. Todo o processo foi seguido por comentários pessoais e mitos que ironizaram esta prática “cruel”.

A SOS Animal e todos os seus apoiantes esperam que, desta vez, sejam tomadas as medidas necessárias para a promoção do bem-estar animal. A SOS Animal relembra que “é este o caminho para uma sociedade mais justa e civilizada”.

A campanha da SOS Animal integra alguns vídeos como “Os Animais não são Atletas” . O teor dos vídeos contempla uma abordagem a alguns comentários relativos à questão, feitos pelos deputados.

- Publicidade -