Valongo expropria terrenos para avançar com variante que permite tirar camiões da cidade

0
130

Os troços em causa vão da Avenida dos Descobrimentos à Avenida Dr. Fernando Melo, com uma extensão de cerca 713 metros.

O executivo aprovou a expropriação de dois terrenos, através de uma Declaração de Utilidade Pública, com carácter de urgência, para avançar com dois lanços da variante à EN15 que permitirá libertar o centro da cidade de Valongo de trânsito pesado.

“Os sublanços 2 e 3 que agora se pretendem concretizar são um importante eixo de ligação para Alfena, Valongo e Campo, promovendo o descongestionamento do centro da cidade de Valongo, com redução do tráfego de atravessamento e aumento da segurança para veículos e peões. Fazem parte ainda de um projeto global de interligação entre a EN 15, a A4 e a ER 209, e surgem como uma alternativa à EN 15, via de tráfego intenso e que atravessa o centro da cidade de Valongo. Permitem ainda uma ligação célere a Alfena e à Maia através da designada Via do Lombelho”, descreve a proposta que passou na Câmara de Valongo e que justifica a expropriação.

As negociações com base neste terreno existiam desde 2018, mas não foi possível chegar a acordo.

“Com esta obra pretende-se criar condições favoráveis para a circulação automóvel e pedonal, descongestionando os centros urbanos, permitindo uma melhor fluidez de todo o trânsito, e consequentemente, melhorando as condições de segurança, conforto e praticabilidade das deslocações”, acrescenta o documento.