Opinião Raul Cunha e Silva: 5 de Junho – Dia Mundial do Ambiente

0
189

O Dia Mundial do Ambiente foi criado em 5 de Junho pela Assembleia-geral da ONU.
Os objectivos, muito amplos, sumariamente se poderão resumir nos seguintes itens:
Combate à poluição; Defesa do meio ambiente; Transformação dos recicláveis tendo por base que no mundo tudo se transforma; Economia da água; Emissão do Co2 com as necessárias alterações na economia e mudanças do estilo de vida; A eficiência energética e a utilização das energias alternativas.
O clube UNESCO da Maia decidiu evocar esta data, participando num conjunto de actividades que estão em sintonia com os seus objectivos. Participou e participa no programa Terra à Terra da Lipor (Projecto de compostagem caseira).

Em 22 do mês de Maio, curiosamente, Dia Internacional da Biodiversidade promoveu em parceria com a Junta da freguesia da Maia e com a Lipor uma acção de formação monitorada pela engenheira Ana Lopes Castro.

Os ouvintes eram cerca de 30 associados e simpatizantes do clube que se ofereceram para terem no seu jardim ou no quintal um compostor que a Junta se disponibilizou a entregar na casa dos aderentes.
O programa Terra à Terra é um projecto de compostagem caseira que visa o aproveitamento da componente orgânica dos resíduos, a união de esforços potenciando a prática da Compostagem Caseira, a actuação a nível local – a Freguesia, o Cumprimento do Plano de Acção Maiambiente.

O paradigma é que todas as iniciativas que visem defender a Terra Mãe, a água, o ambiente, o ar, curiosamente os elementos constitutivos da religião cósmica, terão de ser o imperativo categórico de quem tem nos seus estatutos a Educação, a Cultura e a Ciência. Por isso, aderimos ao programa.
Ficou decidido que iríamos visitar a Quinta da Formiga no dia 5 de Junho. Fomos recebidos pela dra Rosa Veloso às 9 horas na sala de Formação da Horta da Formiga, onde se processou com bastante pormenor a apresentação do projecto Lipor, visitámos o circuito da Reciclagem, o circuito da valorização orgânica e o centro de Compostagem Caseira na Horta da Formiga. Ficamos todos satisfeitos com a acção da Lipor que iremos divulgando junto de amigos.

Foi esta a maneira que encontramos para viver o Dia Mundial do Ambiente. Agradecemos à Administração a possibilidade dada ao clube UNESCO da Maia para visitar a Lipor e também à monitora dra Rosa Veloso a amabilidade e clareza que teve ao explicar a problemática concernente ao meio ambiente.

Presidente do clube UNESCO da Maia