Óscar Rosas regressa ao comando técnico do Sangemil

Cumprindo a quinta jornada do campeonato da terceira divisão nacional de futsal, o Clube Académico de Sangemil desloca-se, amanhã, a Matosinhos para defrontar a Académica de Leça. O encontro está marcado para as 18h30 e a formação de Águas Santas será orientada por Óscar Rosas, que substitui Hélder Soares.

Segundo o presidente do Sangemil, Joaquim Reis, Hélder Soares e o adjunto comunicaram a saída. Portanto, "não foram" dispensados. “O treinador assumiu a posição de ir embora, quis abandonar o projecto e nós aceitamos”, refere. No fundo, acrescenta, “ajudou-nos a tomar uma atitude que, se calhar, mais tarde ou mais cedo, iríamos ter que tomar”.

Na base da decisão do técnico, diz o dirigente, terá estado o facto da equipa em quatro jogos oficiais – um para a Taça de Portugal e três para o campeonato – não ter conseguido uma única vitória. Mas, garante Joaquim Reis. “foi também por não ter conseguido a união do grupo que é fundamental”, justifica. “Não soube dar motivação e estímulo aos jogadores”.

Como o campeonato não pára, a direcção reuniu e encontrou uma solução: “apelar a Óscar Rosas que deixasse a coordenação técnica e assumisse o comando técnico”. “Não encontrávamos outra solução mais segura”, admite.  O clube contratou também um treinador de nível 2, Luís Carvalho, que vai trabalhar com Rosas.

Isabel Fernandes Moreira