BE viu “trabalho meritório” da Causa da Criança

0
139

A Causa da Criança, em Vila Nova da Telha, foi uma das paragens da candidatura do Bloco de Esquerda (BE) à Maia, na segunda semana de campanha. O cabeça-de-lista à câmara, Silvestre Pereira, fez-se acompanhar de diversos candidatos a assembleias de freguesia na visita à Associação de Protecção à Infância e Juventude.

Com capacidade para 22 crianças dos zero aos 12 anos e, actualmente, com 17, o BE entende que A Causa da Criança é “uma instituição que merece todo o carinho pelo trabalho que vem desenvolvendo”. Depois de se aperceber do funcionamento da instituição, Silvestre Pereira conclui tratar-se de um “trabalho meritório” e que, por isso, no entender do BE, deveria ser mais apoiada pelas entidades, de forma “efectiva e constante”:

[audio:BE_CAUSA.mp3]

Por exemplo, pela Câmara da Maia que, apesar de ter cedido o terreno e apoiado a construção do edifício, “deixou de dar mais apoio, do ponto de vista social”, lamenta o bloquista, considerando que este projecto “é prioritário”. Até porque “são cada vez mais os excluídos e isso leva, muitas vezes, ao abandono das crianças, aos maus tratos”.

Também ontem, os candidatos do BE passaram pelas freguesias de Barca e Gondim, onde encontraram “um conjunto muito grande de famílias em habitações completamente degradadas” e “sem condições nenhumas de salubridade e habitabilidade”. Em alguns casos, à espera de habitação social desde 1997, denuncia Silvestre Pereira.

Marta Costa