Cavaco Silva criticou governo na conferência da JSD Maia

0
204

O ex-Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, foi crítico da governação de António Costa, numa conferência realizada pela JSD Maia, na última terça-feira à noite, através da internet.

Cavaco Silva afirmou que não é capaz de “apontar uma reforma significativa levada a cabo pelo governo da geringonça”.

Aníbal Cavaco Silva participou numa iniciativa online da Juventude Social-Democrata da Maia, denominada “Conversas com Norte”.

O ex-Presidente da República criticou não só a esquerda parlamentar, mas mais precisamente o governo de geringonça por não levar a cabo uma reforma significativa.

O antigo Presidente da República disse que “os outros governos não sociais-democratas” raramente foram “governos com uma perspetiva reformista”. E vai mais longe: “Não sou capaz de apontar uma reforma significativa levada a cabo pelo governo da geringonça”.

Cavaco Silva disse ainda que Portugal corre o risco de se transformar na “lanterna vermelha” da União Europeia no que diz respeito ao nível de desenvolvimento.

Apelou aos jovens do partido que coloquem um ponto final nesta trajetória que “está a conduzir Portugal para lanterna vermelha ao nível de desenvolvimento, nos 19 países da união monetária”.

E recordou: “quando era primeiro-ministro, éramos o 11.º país em matéria de desenvolvimento. Agora, só temos atrás de nós a Grécia e a Letónia”.