CDS Maia reconhece trabalho da Santa Casa da Misericórdia

0
279
CDS Maia reconhece trabalho da Santa Casa da Misericórdia
- Publicidade -

O CDS Maia reuniu com a provedora da Santa Casa da Misericórdia, Lurdes Maia, no âmbito de um programa de interação com as instituições que o partido está a promover no concelho.

Em comunicado, Manuel Oliveira, líder da concelhia maiata, refere que “foi importante perceber o papel da Santa Casa da Misericórdia nestes últimos anos de emergência económica e social assim como os seus projetos e ambições para o futuro”. E reconhece que, “com a sua larga rede de creches, centros de dia, lares e centros comunitários, os projetos da Santa Casa da Misericórdia da Maia são, desde sempre, transversais no seu alcance geracional o que implica uma grande responsabilidade no apoio à população maiata”.

A natalidade, o envelhecimento ativo e a inclusão social foram temas amplamente debatidos neste encontro, que visa a perspetiva real do concelho.

Misericórdias são fundamentais

A comitiva do CDS Maia teve ainda oportunidade de sublinhar junto da Provedora da Santa Casa da Misericórdia da Maia a sua convicção de que as Instituições Particulares de Solidariedade Social e “as Misericórdias desempenham um papel fundamental na resposta às várias problemáticas sociais que existem”. Para o CDS Maia, é “claro que estas organizações conseguem chegar onde o Estado não consegue e, muitas vezes, de forma mais rápida, mais eficaz e poupando mais recursos”.

O sector social representa já 6% do Produto Interno Bruto e alberga mais de 250 mil trabalhadores, muitos dos quais altamente qualificados.

- Publicidade -